Viena: tradução do amor às margens do Rio Danúbio

Por  |  0 Comentários


Quer conhecer a Áustria? Hoje iniciamos um especial de roteiros por lá e a primeira parada, claro, é Viena. Confira!

Alguma vez você considerou embarcar em uma viagem a dois para a Áustria? Nós recomendamos seguir essa ideia e aproveitar o que há de melhor no país, conhecido por suas paisagens bucólicas e floridas – além de uma atmosfera romântica que se contrapõe magnificamente a cenários majestosos. O ambiente remete a um passado de glamour, arte e nobreza ímpares, quando os casais valsavam e rodopiavam pelos ricos salões, em bailes que celebravam uma vida de encantamento.

ÁUSTRIA: CONTEXTO HISTÓRICO

Nenhuma casa real exportou tantas rainhas como o Império Austríaco, que testemunhou a partida de jovens princesas para se casar e mudar o destino de outras nações. Foi assim com Maria Leopoldina, que disse sim a Dom Pedro I e se tornou a primeira imperatriz do Brasil, com Maria Antonieta, personagem fundamental da Revolução Francesa, e com outras filhas da lendária Maria Teresa da Áustria – única mulher a chefiar a Casa de Habsburgo em uma dinastia que durou mais de cinco séculos.

Localizada na Europa Central, a Áustria é visualmente inesquecível: altas cadeias de montanhas, além de lagos e cidades de uma elegância que fazem do país um destino charmoso e atraente, com diversos pontos de interesse. Viena e Salzburg, as maiores cidades do país, possuem o ar aristocrático herdado do reinado dos Habsburgo, com edifícios monumentais, parques e praças inundadas de verde e maravilhosas apresentações de música clássica.

Na região montanhosa do Tirol, no interior do país, ainda encontramos pequenos vilarejos com casas típicas, de balcões de madeira cuidadosamente trabalhados, com flores pendendo de suas beiradas, num alegre colorido. O povo austríaco é espirituoso e animado, como os vizinhos alemães da Baviera. Por esses e outros motivos, o país é um convite à celebração da beleza, do romance e da arte.

Com isso em mente, a preparou um roteiro especial com as duas cidades de maior interesse na Áustria: Viena e Salzburg. Nesta semana iniciamos com a capital, vamos lá?

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto

VIENA: ATMOSFERA ACONCHEGANTE + IMENSO LEGADO CULTURAL

Visitar Viena é experimentar um passeio por diversas épocas da arte europeia e deslumbrar-se com as obras de seus conterrâneos ilustres, testemunhando todo o refinamento e a nobreza de seus antigos monarcas. Localizada às margens do Rio Danúbio, a capital é o centro cultural e político da Áustria, com um extenso acervo artístico, adquirido graças à dinastia dos Habsburgo.

A cidade também é lar de dois dos maiores compositores mundiais de música clássica: Mozart e Strauss. Além destes dois artistas, Sigmund Freud deixou sua marca em Viena, já que muitas de suas teorias foram iniciadas por lá.

Por fim, o Rio Danúbio é um dos maiores símbolos vienenses, tendo sido um fator essencial para o desenvolvimento da economia local e inspirando os artistas naturais da cidade. Outro ponto crucial da cidade é a Ringstrasse, anel viário que circunda a área central, onde se concentra a maioria das atrações.

1. O QUE FAZER?

Hofburg: este complexo de edifícios já foi a sede da corte e hoje abriga diversos atrativos – como a barroca Biblioteca Nacional, as joias do tesouro imperial e a Escola Espanhola de Equitação, onde é possível admirar os belos cavalos lipizzaner serem adestrados. O local também foi a sede do poder administrativo austríaco por 600 anos.

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto

Belvedere: uma das mais belas obras arquitetônicas de Viena, os jardins e palácios de Belvedere são um complexo criado no final do século XVII, após a expulsão dos turcos. Johann Lukas von Hildebrandt desenhou o Belvedere para que fosse a residência de verão do general austríaco que os expulsou. São dois palácios interligados por um jardim, sendo este último dividido em três níveis que fazem alusão à cultura clássica. Entre seus destaques estão o Portão Principal e a Fachada do Belvedere Superior.

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto

Stephansdom (Catedral de Santo Estevão): localizada na parte central da cidade, cujas ruas ainda possuem um traçado medieval, a Stephansdom é um marco de Viena. A maior parte da igreja atual começou a ser construída nos séculos XIV e XV, embora ainda apresente elementos da igreja remanescente do século XIII, como o Portão dos Gigantes e as Torres Pagãs.

Seu principal destaque é o telhado azulejado, que mostra o brasão da Áustria e foi cuidadosamente restaurado após os danos causados pela Segunda Guerra Mundial. Outro ponto marcante é a Torre Sul, obra-prima da arquitetura gótica que levou 75 anos para ficar pronta. O interior da catedral também é ricamente adornado, contendo obras dos mais diversos períodos artísticos.

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto

Kunsthistorisches Museum (Museu de História da Arte): um dos maiores museus de arte da Áustria, o Kunsthistorisches Museum tem a maior parte de seu acervo composto por coleções de arte reunidas ao longo dos séculos pelas gerações da dinastia dos Habsburgo. Diversos mestres da pintura têm suas obras expostas por lá, juntamente com coleções de peças da Antiguidade, das culturas egípcia e greco-romana.

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto iStock Alizada Studios

2. ONDE SE HOSPEDAR?

The Ritz-Carlton Vienna: localizado no boulevard mais elegante da cidade, o Ritz-Carlton Viena ocupa quatro palácios históricos.  O hotel oferece 202 quartos espaçosos e bem equipados. Sua infraestrutura também inclui academia, sauna e spa, além de uma espetacular piscina interna com música subaquática. É possível contemplar a vista panorâmica de Viena a partir do bar Atmosphere, no terraço, ou apreciar o tradicional café vienense no charmoso lounge no térreo.

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto Divulgação

Palais Hansen Kempinski Vienna: originalmente construído para a Exposição Mundial de Viena em 1873, o Palais Hansen Kempinski foi reaberto em 2013 para oferecer uma mistura de história vienense com o máximo do conforto contemporâneo. Além de três restaurantes que servem gastronomia local e internacional, no lounge de charutos é possível relaxar antes de visitar o bar noturno Henri Lou. Para a comodidade dos hóspedes, o hotel disponibiliza cafeteira Nespresso e iPad nos quartos.

Viena - Lua de mel na Áustria - Foto Divulgação

3. ONDE COMER? 

Café Sacher Viena: café tipicamente vienense, este elegante estabelecimento oferece sua famosa sacher-torte de chocolate, além de uma grande variedade de doces e confeitos.

Steirereck: localizado no parque central da cidade, com vista para o Rio Viena, este restaurante contemporâneo conta com uma grande variedade de pratos, configurando um cardápio novo a cada noite. Seus pratos de combinações únicas são acompanhados por excelentes vinhos.

Weibels: este aconchegante restaurante é uma ótima opção para degustar da culinária vienense, aperfeiçoada com uma seleção de vinhos austríacos e italianos de qualidade.

Gostaram das dicas a respeito de Viena? Fiquem ligados na coluna Honeymooners, que na próxima quarta-feira trará um roteiro imperdível para Salzburg!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Com 28 anos, a Teresa Perez é especialista em criar roteiros personalizados. Os programas são preparados de acordo com os interesses de cada casal. Telefones (11) 3799-4000 | (11) 3390-9000 | (61) 3217-2300.