Lua de mel no Canadá: os cenários do Banff National Park

Por  |  0 Comentários


O Canadá é um dos maiores países do mundo, onde o que não falta são paisagens naturais fascinantes e cenários inesquecíveis. A uma hora e meia de carro de Calgary, na província de Alberta, o Banff National Park é o destino perfeito para os casais que buscam se distanciar do clima agitado da cidade grande e viver uma atmosfera romântica e tranquila em pleno contato com a natureza. E quem visita este que é o primeiro parque do país, declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco, encontra picos de montanhas rochosas, lagos azuis-turquesa, vida selvagem abundante, além de charmosas cidadezinhas que reservam ótimos restaurantes, lojas e muita sofisticação. Entre elas está Banff, um importante centro cultural do Canadá. Dentre as atividades imperdíveis no parque, estão as caminhadas leves, hiking, ciclismo, rafting – para os mais aventureiros – e até mesmo esqui durante o inverno – por lá, é possível esquiar em Mount Norquay, que possui poucas mas ótimas pistas, e em SunShine, uma grande área esquiável com muitas opções de pistas e gôndolas que prometem um lindo passeio ao topo da Sunshine Mountain.

Saiba mais sobre a sua lua de mel no Canadá:

O que fazer

Experiências que misturam sofisticação e um pouco de aventura

A dica para uma lua de mel inesquecível nessa região do Canadá é começar pelo Bow Lake, um dos pontos mais interessantes do Banff National Park. Cercado pela exuberante natureza, seu cenário é formado pelas águas azuis e verdes do lago, que mudam de tonalidade conforme o clima da temporada, e ainda refletem as montanhas ao seu redor. Por ser um lago menos popular, o local é bastante tranquilo e perfeito para fazer um piquenique a dois. Muito próximo dali, o Bow Glacier é onde se formam cachoeiras a partir do derretimento de uma geleira, outro ponto que vale a pena conhecer – a impressionante queda d’água é um verdadeiro must-see, presenteando a primavera e o verão com um cenário deslumbrante.

Já que a ideia é aproveitar a natureza, que tal fazer uma caminhada? Uma das melhores sensações de se estar em lua de mel pelo Banff National Park é poder desfrutar dos seus detalhes mais simples, e praticar hiking é um exemplo perfeito. Outra atividade indispensável é fazer canoagem pelos rios, o que permite apreciar os cenários através de ângulos totalmente diferentes. É impossível não se encantar pelas áreas calmas admirando a exuberância da natureza. Mas, se o casal é amante de experiências um pouco mais agitadas, aventura também não falta – dá para combinar as belezas da paisagem com adrenalina, e é exatamente isso que o rafting proporciona. Há diversos passeios pelo parque que permitem descer as correntezas, que contemplam rios e lagoas.

 

Onde comer

Os restaurantes do Banff National Park não só propiciam excelente gastronomia e serviços, como também vistas arrebatadoras

Sky Bistro

Como o próprio nome sugere, o Sky Bistro fica no alto, mais especificamente no topo da montanha Sulphur Mountain, onde é preciso pegar uma gôndola e subir até o pico para acessar o restaurante. A experiência do menu fica por conta do chef Scott Hergott, que comanda a casa, e privilegia os sabores locais na composição dos pratos. Uma curiosidade é que, na montanha onde o Sky Bistro está localizado, há diversas outras opções que vão além da gastronomia, como exposições, lojinhas, plataformas de observação – ótimas para ver o pôr do sol – e até mesmo um teatro.

Three Ravens Restaurant e Wine Bar

O Three Ravens está sempre na lista dos melhores restaurantes do Banff National Park, além de estar entre as três casas em destaque nos 100 melhores restaurantes da OpenTable no Canadá. E não é para menos, já que a atmosfera elegante e intimista e o serviço excelente estão sempre combinados ao excelente menu. Com janelas do chão ao teto, a vista que se tem fica por conta da Tunnel Mountain, considerada por muitos como uma das montanhas mais bonitas da região. Para complementar, não deixe de experimentar os rótulos disponíveis no Wine Bar.

Cliffhouse Bistro

O Cliffhouse Bistro, em Mount Norquay, tem um charme e tanto. O restaurante foi reformado a partir de uma antiga casa de chá, e tem um estilo retrô de um típico chalé europeu complementado pelos toques modernos na decoração. A casa proporciona experiências gastronômicas diferentes durante o inverno e o verão, onde o menu vai de vegetariano a pratos onde as carnes são os protagonistas. Os vinhos também não deixam de ser excelentes, um acréscimo e tanto aos pratos e, claro, à vista.

Onde ficar

Fairmont Banff Springs

Conforto e beleza atemporal em meio a uma selva intocada é o que os hóspedes encontram ao chegar no Fairmont Banff Springs. Imponente e ao mesmo tempo integrado à paisagem ao seu redor, o hotel reserva muito mais do que os hóspedes podem esperar. Seu interior é parcialmente revestido por pedras rústicas, que dão a aparência de um castelo às instalações. Vistas deslumbrantes, campos de golfe, prática de esqui e um spa com estilo europeu complementam a experiência. Nada menos do que 16 opções de restaurantes, lounges e docerias estão dentro do hotel. Os hóspedes ainda contam com culinária francesa, japonesa, churrasco e até mesmo um wine bar e um pub.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr