IC Week RJ 2017: mesa-redonda de moda e beleza

Por  |  0 Comentários


Aqui e agora! Veja o que está rolando na mesa-redonda de moda e beleza no IC Week RJ 2017!

A primeira mesa-redonda do evento é sobre moda e beleza e conta com a presença da maquiadora , a estilista Carol Hungria, a personal stylist Juliana Heide, e a dermatologista Aline Vieira. Veja agora o que está rolando!

QUANTO TEMPO ANTES A NOIVA PRECISA PROCURAR O PROFISSIONAL ANTES DO CASAMENTO?

Alessandra sugere um ano, um ano e meio – e não só a beleza, mas para foto, vídeo e cerimonial. A maquiadora também comentou que, como tem passado por muitas mudanças, acabou fechando até com uma noiva a duas semanas do casamento!

E QUANTO AOS PROCEDIMENTOS ESTÉTICOS, QUANTO TEMPO ANTES É O INDICADO?

Segundo Aline, em cima da hora é difícil, porque alguns deles demandam um tempo considerável para obter resultado, mas em outros, como os de gordura localizada por exemplo, o tempo é de um mês, um mês e meio. Enquanto outros, como os procedimentos de pele, principalmente os que têm alteração de textura (rugas, linhas finas, acne…), deve-se tratar o quanto antes, com no mínimo seis meses de antecedência.

COMO LIDAR COM AS TRANSFORMAÇÕES COM O CORPO AO LONGO DA PRODUÇÃO DE UM  VESTIDO DE NOIVA?

Carol indica que as noivas estejam com o corpo definitivo até a primeira prova, já que é o momento ideal para o vestido ficar acertado. Mas em muitos casos, acaba, rolando ajustes e reestruturação até mesmo na última prova. Porém o ideal  mesmo é sempre fazê-los com antecedência.

COMO FALAR PARA UMA NOIVA QUE UMA DETERMINADA ESCOLHA NÃO É BOA PARA ELA?

Juliana diz que o principal é fazer a noiva entender o que funciona melhor para ela, de acordo com o tipo físico, rosto, cor da pele, etc, porque a partir daí, a mulher passa a entender o que cai melhor e o que não cai. Uma tática que usa é sempre puxar mais para o lado positivo do que para o negativo, principalmente porque no grande dia você tem que estar se sentindo linda.

QUAIS SÃO AS TENDÊNCIAS DE BELEZA?

A beleza tem tudo a ver com o estilo, e falando de noiva, a maquiagem tem que ser atemporal e alinhada com a personalidade de cada uma – por isso é tão importante que os profissionais adaptem as tendências ao estilo pessoal da noiva.

Quando falamos do que está mais em alta por agora, pode-se dizer que são peles cada vez mais leves, que diminuem aquele estilo “mascarado”.

ATENÇÃO: Alê reitera o cuidado com a homogeneização! O contorno, por exemplo, não cabe para todas as mulheres. A maquiagem tem que combinar com o estilo de cada mulher – e isso demanda uma investigação para haver uma adaptação perfeita.

O QUE A NOIVA DEVE FAZER CASO NÃO SAIBA QUAL ESTILO DE MAQUIAGEM ESCOLHER?

As quatro profissionais foram unânimes em concordar que o que acontece hoje em dia (a noiva se sentir um pouco perdida com tantas opções) é reflexo da superinfluência das redes sociais. Acontece que nem sempre essas referências são possíveis de serem copiadas, porque a maioria das fotos, por exemplo, são produzidas e muitas vezes editadas. Alê conta que, por esse motivo, tenta sempre explicar às clientes que o ideal é encontrar referências parecidas com o seu estilo pessoal e físico. Ela também relembra a importância da prova antes do casamento, porque é nela que a maquiadora investiga e ajuda a encontrar o estilo da noiva.

QUAIS  SÃO OS PROCEDIMENTOS EM ALTA?

Segundo Aline, antes mesmo de falar em modismos, é muito importante conversar com a paciente e entender qual é sua expectativa, para que ela possa ajudar com os procedimentos dermatológicos. Ela também reitera que cada abordagem é individual e varia de pessoa para pessoa, e que a busca pela perfeição na pele, a nível de exemplo, é complicada, porque muitas vezes não é possível reverter algumas doenças.

Os procedimentos que têm tido mais procura são aqueles que deixam a pele natural e mais lisinha.

QUAL A SOLUÇÃO PARA ENTENDER O NOVO PERFIL DAS NOIVAS – EM ESPECIAL AS CARIOCAS?

Concordando com a Alê, Carol alega que as referências digitais estão influenciando muito as noivas, de modo que acabam querendo fazer algo que têm como referência, mas que também tenham a cara delas. E isso é muito difícil de ser colocado em prática, porque cada caso é um caso, e como já foi dito, o que combina com uma, não necessariamente vai combinar com outra. Uma solução encontrada pela estilista é investir em misturas e combinações – vindas de referências escolhidas pela noiva, mas também de seus gostos pessoais – para deixar o vestido cada vez mais parecido com o que realmente é.

Quando perguntada sobre as tendências, a estilista aponta o fundo nude (para Carol, ele veio para ficar! E como uma terceira cor, não apenas como fundo, como era utilizado), tule xadrez, poá, flores 3D, plumas, manga longa, manga removível, decote nas costas, semissereia, etc.

ATENÇÃO: o que está em alta não significa dizer que é o ideal para você. O modelo tem que estar de acordo com o estilo da noiva e o seu biotipo.

QUAL TIPO DE ROUPA A MÃE DOS NOIVOS DEVE USAR?

Essa resposta depende do tipo de casamento. Seguindo um estilo mais padrão e clássico de casamento, Juliana indica um vestido que não tenha muito decote e que não tenha tanto elemento de textura, brilho ou bordado, ou seja, muitos “pontos focais”. O ideal é ter apenas um ponto de destaque na roupa, porque misturar muitos elementos pode ficar confuso ou over.

Estar com a cor certa é muito ideal, assim como combinar com as paletas de cores. Carol aproveita para dizer que as madrinhas têm seguido muito esse estilo, mas diferentemente dos americanos, são vários tons da mesma cor, e não apenas um. Entretanto, esse é um caso a ser estudado, porque em termos de consultoria de imagem, segundo Juliana, a pessoa acaba sendo “obrigada” a usar uma cor que muitas vezes não lhe favorece.

COMO LIDAR COM O EXCESSO DE INFORMAÇÕES  VINDA DAS REDES SOCIAIS?

Para Alê, a capacidade de filtrar é o principal ponto. E depois que conseguir descobrir uma preferência, é hora de parar! A dermatologista também alega que é importante analisar cada caso pessoal, porque como já foi dito, cada caso é um caso, principalmente nos tratamentos estéticos – isso também se estende para o vestido e maquiagem.

O auxílio do profissional é o ponto essencial para conseguir achar o que melhor casa com a noiva, porque ele a ajuda a entender o que realmente quer (em cada mínimo detalhe e elemento distinto) e principalmente o que pode usar. O grande segredo é captar seu estilo para conseguir uma assinatura única.

#FICA A DICA:  A ORDEM DA ESCOLHA DAS CORES E MODELOS DE VESTIDO

1º MÃE DA NOIVA

2º MÃE DO NOIVO

3º IRMÃS E MADRINHAS

#FICA A DICA:  PARA AS NOIVAS MAIS CHEINHAS

  • Estruturar o vestido, para que se sinta homogênea, sem nada marcando e com a barriga “lisinha”
  • Fugir dos recortes horizontal na saia
  • Investir em mangas longas, para disfarçar os braços
  • Apostar em decotes que valorizem o colo, como o V

AS PERGUNTAS DO PÚBLICO

Por que as mulheres vão de longo aos casamentos?

A não ser que seja intitulado como “black tie”, a estilista e a personal stylist acreditam que é algo bastante regional. Em lugares como São Paulo e interior, as  convidadas costumam apostar mais nesse modelo. Aqui no Rio, por sua vez, elas não se importam tanto em ir de curto.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Uma sagitariana que tem a alegria como dom. É carioca, jornalista, tem 20 poucos anos e adora ser chamada de Duda. Como uma amante incurável de sorrisos e amores, espera que seu grande dia seja repleto deles. E que, assim como ela, você se torne uma multiplicadora fiel dessa dupla!