DJ casamento RJ: Otávio Taw – Rastropop

Por  |  0 Comentários


dj casamento rj

Quando a pessoa vibra música!

Taw já é, há algum tempo, um dos mais DJs mais badalados e cobiçados das festas particulares do Rio de Janeiro: já fez mais de 3 mil eventos e, pelo menos, 1 milhão de pessoas já se divertiram muito sob seu comando. Com quase 30 anos de carreira, comandou festas internacionais, como um casamento em Punta Del Este e outro num castelo em Florença e fez 100 mil pessoas dançarem em pleno Réveillon na areia de Copacabana.

∴ Em meio a nova geração de DJs cariocas, ele é um daqueles nomes respeitados que não parou no tempo e acompanhou cada mudança do mercado, evoluindo seu feeling. DJ desde 1985, ele sempre quis ser cantor, mas começou como DJ antes mesmo de ter sua banda.

“No início, eu apenas queria divertir meus amigos, fazê-los dançar como DJ ou cantar para eles. As pessoas gostavam do resultado das festas e me indicavam a outras, isso foi gerando cada vez mais eventos. Nesse processo participei de uma banda, a Nada Pessoal e lancei o meu primeiro disco, independente, no Canecão.”

Foi então, que resolveu montar seu próprio selo independente, juntando tudo na Records, que é um selo, uma agência de DJs com sonorização especializada e um estúdio de gravação. Formado em economia pela PUC-RJ, desde 1990 faz casamentos. Criador da , ele é o principal nome por trás da empresa.

Com talento, sensibilidade e estilo “eclético”, o DJ tem como proposta criar ambientes musicais com o perfil do contratante. Ainda assim, deixa sua marca por onde passa. Para isso, conta com grande cultura musical e pode, como poucos, se aventurar pelos mais modernos ritmos: house, hip hop, techno e drum´n´bass, passando por estilos brasileiros como chorinhos, sambas e bossa nova, pela disco dos anos 70, pelo rock nacional e internacional, e standards americanos sem deixar a pista vazia por um minuto sequer. Incansável, ele não gosta de terminar festa nenhuma antes do sol raiar. “Música é minha paixão e pista cheia, meu vício”, conta.

O  que o motiva a continuar tocando em casamento?

DJ casamento rj rastropop otavio taw (1)Eu adoro música! Já disse: para mim, música é paixão! Eu tenho paixão pelo que faço! Costumo dizer que o “trabalho” é o dia-a-dia no escritório: passar orçamento, atender telefone, responder emails, mas na hora da festa é só prazer!! E eu adoro todo tipo de música – velha, nova, moderna, retrô – e sempre acho que com as festas de casamento estou sempre fazendo festas diferentes pois eu atendo diferentes perfis de clientes, enfim, eu consigo me divertir de forma diferente a cada evento. Isso é uma grande motivicao! É o meu prazer! Acho até engraçado os novos DJs optarem em fazer “só um set de 2 horas”. Eu não consigo entender isso! Eu sempre quis tocar a noite inteira! Quanto mais melhor!!  Eu não quero parar nunca!

AGENDA | SERVIÇO – RASTROPOP

  1. QUANTO TEMPO ANTES OS NOIVOS PRECISAM FECHAR A DATA COM VOCÊ? Não tem regra, mas tem sido fechado com 1 ano de antecedência. Porém, isso não quer dizer que não temos dias livres (por exemplo, as sextas-feiras são bem menos procuradas do que os sábados).
  2. COMO FUNCIONA A CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO?O cliente entra em contato com a , verifica a disponibilidade, recebe um orçamento, deposita um sinal e estamos contratados.
  3. QUANTO TEMPO TOCAM NA FESTA? COMO FUNCIONA A HORA EXTRA? Não cobramos hora extra. Tocamos até quando o cliente mandar desligar!
  4. O QUE ESTÁ INCLUSO NA CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO DE DJ? Normalmente oferecemos o DJ e a sonorizaçao da pista de dança, mas podemos inserir também iluminaçao, atrações, sonorização de cerimônias, etc…
  5. QUAIS AS CONDIÇÕES DE PAGAMENTO? Pedimos, normalmente, 50% antes e 50% até o dia do evento.

REUNIÃO

  • QUANTAS SÃO FEITAS?Basta apenas uma reunião, mas fico à disposição para o cliente marcar quantas achar necessário.
  • QUAIS AS PAUTAS DA REUNIÃO?O mais importante é entender o perfil musical do cliente e qual a expectativa dele em relação à pista de dança. É muito importante entender o que o cliente “não quer” que eu toque, pois entendo que, se “música é paixão”, o cliente pode também, proibir alguma coisa que o desagrade. Outro assunto importante são as músicas “do ceremonial” – aquelas de entrada no salão, corte do bolo e abertura de pista. Sempre sugiro que, nesses momentos mais “pessoais”, os clientes escolham as músicas que mais os emocionam, pois são elas que ficarão na memoria afetiva deles.
  • COMO FAZ PARA ENTENDER O GOSTO MUSICAL DOS NOIVOS E DOS SEUS CONVIDADOS? Primeiro deixo os noivos falarem o que mais gostam, o que está proibido, alguma música especial… Depois vou “passando um pente fino” nessas respostas e abordando os ritmos que eles não falaram. Costumo dizer que eu faço uma “micro-festa” nessa reunião, pois quando sugiro algum perfil ou música que eles não falaram no primeiro momento, já identifico, principalmente na postura corporal e nos sorrisos, se minha sugestão é boa ou não para eles.
  • SE O CASAMENTO FOSSE SEU O QUE TOCARIA? Entendo que um bom casamento é aquele que agrega os convidados, então eu tocaria “de tudo”, mas com uma “pitada” maior de pop-rock (brasileiro e internacional), que é o que mais gosto.
  • QUAL DICA DARIA PARA OS NOIVOS QUE AINDA NÃO CONTRATARAM O DJ PARA O CASAMENTO? Valorizem o seu DJ! Se você quer um “festão”, você, necessariamente, precisa ter um excelente profissional comandando a animação. Antes de desistirem do DJ por causa de valores, façam comparações com outros serviços e vejam se ele é realmente “caro” nessa analogia.
  • O QUE É IMPORTANTE PERGUNTAR PARA O DJ ANTES DE CONTRATAR O SERVIÇO? O mais importante é saber se o DJ toca “de tudo” e se ele já fez casamentos, pois a dinâmica de um casamento é bem diferente da dinâmica da “noite”. Muitos DJs da “noite”, se perdem num casamento pois não estão acostumados com a “sensibilidade” e o “timming” desse tipo de evento.

DJ casamento rj rastropop otavio taw (2)

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


ic indica

avatar

Jornalista mineira, dona de uma coleção de sonhos e apaixonada pelo o que é leve. Nunca subiu ao altar, mas nutre a certeza de chegar lá com seu amor da vida. Adora combinar palavras para contar histórias e assume ter uma queda por casamentos ao ar livre.