Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

Por que usamos branco? A história do vestido de noiva

Por  |  5 Comentários


A história do vestido de noiva é cheia de mudanças e reviravoltas. E como diz o ditado: na moda toda tendência um dia volta, é bom sabermos o que nos aguarda. Conheça o que fez a cabeça das noivas nas últimas décadas.

É um fato: não tem como falar em casamento sem pensar em vestido de noiva. A cada dez noivas, dez provavelmente vão te responder que essa é a primeira preocupação ao começa planejar o grande dia. Isso sem contar as tantas outras que já sabem como será o seu modelo mesmo antes de ter uma data definida. Quem nunca!?

De onde surgiu essa tradição que tanto nos fascina? Não existe uma data exata, mas já na Bíblia há relatos de vestes especiais usadas para o dia do matrimonio, nada parecido com o que temos hoje. O branco, por exemplo, nunca foi uma unanimidade. Na idade média o que importava não era a cor, mas o luxo dos vestidos. Como os casamentos eram vistos como forma de fazer alianças comerciais os vestidos eram usados para demostrar as posses da família. As noivas também apostaram no pretinho “básico”! Isso mesmo, durante  o período da Renascença o preto foi a cor que representava a religiosidade e obediência a igreja, por isso as noivas usavam essa cor para subir ao altar.

Quando surgiu o vestido de noiva branco ?

Há controvérsias entre os historiados sobre quando as noivas começaram a usar branco. Alguns atribuem a rainha da Escócia Mary Stuart no século XVI o título de pioneira, outros a rainha Maria de Médice da França, no século XVII. O fato é que o vestido branco realmente se popularizou após a rainha Vitória da Inglaterra, no século XIX, desfilar um modelo de renda feita a mão. Ela foi a primeira nobre a se casar por amor, o que deixa a história ainda mais interessante, e também lançou a moda do véu e do buquê de flores brancas miúdas.

♦ Década de 10 

Puro romance! Inspirados na Belle Époque francesa os vestidos dessa fase tinham a modelagem mais soltas e muitos detalhes. Véus longos e delicados enfeites de flores eram apostas certeiras entre as noivas.

A história do vestido de noiva: nos anos 10 os detalhes em flores eram moda - Foto Reprodução

♦ Década 20

Corte reto! A masculinização do vestuário feminino durante a primeira guerra mundial também chegou ao sonhado vestido de noiva. A nova modelagem não definia o corpo, mas compensava a feminilidade com os bordados e aplicações de pedrarias inspirados na Art Déco. O véu longo continuava em alta.

A história do vestido de noiva: na década de 20 os vestidos tinham bordados inspirados na Art Déco - Foto reprodução

♦ Década 30

A década das mangas longas! As silhuetas voltaram a ser mais ajustadas, pequenos decotes começaram a surgir e as mangas longas se popularizaram. O corpo da noiva era quase totalmente coberto, revelado apenas pela modelagem que valorizava a simplicidade no período entre guerras.

A história do vestido de noiva: as mangas longas foram a tendência da década de 30 - Foto reprodução

♦ Década 40

A fase do tailleur. Com a crise econômica no período da segunda guerra mundial havia uma cota máxima para compra de tecidos e roupas em países como França, Inglaterra e EUA. Assim, os vestidos de noiva se tornaram mais simples, sendo muito comum as mulheres se casarem de tailleur.

A história do vestido de noiva: com a crise nos anos 50 o Tailleur foi a saída das noivas - Foto reprodução

♦ Década de 50

New look! Os anos 50 fervilharam a moda e com as noivas não foi diferente. Repleto de glamour, a tendência mais forte era a silhueta de cintura marcada criada por Christian Dior. Mangas longas, golas altas e o comprimento midi também se destacavam. Grace Kelly se tornou ícone de elegância também para as noivas com seu casamento real.

A história do vestido de noiva: nos anos 50 o New Look dominou a moda - Foto reprodução

♦ Década de 60

A era da rebeldia. A quebra dos padrões se traduziu na moda noiva por vestidos mais modernos e de comprimento curto. O corte geométrico e a invenção da minissais, fizeram a cabeça das noivas dessa década.

A história do vestido de noiva: os anos 60 foram marcados pelas peças modernas e minissaias - Foto reprodução

♦ Década de 70

Mix de estilo! Muita coisa aconteceu na década de 70 para eleger apenas uma tendência. Estilo retrô, a sensualidade – herdada da liberação sexual dos anos 60 – e o movimento hippie foram decisivos na moda noiva. Era possível encontrar desde modelos clássicos, inspirados na década de 40, até modelos leves e fluídos com flores e rendas na tendência paz e amor.

A história do vestido de noiva: na década de 70 a moda hippie dividiu espaço com releituras clássicas - foto reprodução

♦ Década de 80

Mais é mais! A década de 80 foi marcada pelos exageros. Volume, brilhos, cores e as famosas ombreiras podiam e deviam ser usados na mesma peça. As noivas não ficaram de fora dessa. O histórico vestido da princesa Diana é o grande ícone dessa fase.

A história do vestido de noiva: a década de 80 foi marcada pelo exagero - Foto reprodução

♦ Década de 90

Novo minimalismo! Em contrapartida a década anterior os anos 90 buscaram a sobriedade das modelagens mais simples. As releituras de vestidos clássicos também se tornaram comum, mas com uma nova dose de menos é mais.

A história do vestido de noiva: nos anos 90 o minimalismo foi tendência

♦ Anos 2000

A fase das experiências. Os estilistas abusaram da criatividade para mesclar as diferentes tendências ao longo da história, mas com um toque de modernidade. O volume volta a cena, assim como um toque de cor nos vestidos e o tomara que caia, que se tornou um dos decotes mais desejados pelas noivas.

A história do vestido de noiva: os anos 2000 foram marcados pelas releituras

♦ 2010 …

Quem manda agora é a personalidade! Com tantas opções a ordem atualmente é que o vestido tenha o estilo da noiva e revele um pouco de suas preferências pessoais. Moderna, elegante, clássica ou boho, têm espaço para todas!

A história do vestido de noiva: tendencias boho, princesa e moderna - Fotos: Estúdio  47, Michel Castro Fotografia e Everton Rosa

E então, qual é sua década favorita?

Tem muito mais opções de vestidos de noiva no nosso Guia de Fornecedores. Vem ver!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Uma paulistana que quer conhecer o mundo e encontrou no jornalismo sua forma de transformar paixão em profissão. Adora histórias e não resiste a uma boa conversa. Prefere miniweddings mais descontraídos, mas promete ajudá-la a deixar seu casamento exatamente como sonhou.