Linha plus size por Meeck Atelier

Por  |  0 Comentários


Você já ouvir falar do ? Se sua resposta foi não, chegou a hora de conhecer essa marca incrível, responsável com o meio ambiente e com a sociedade.

 

Atender a todos sempre foi o objetivo da marca e, por isso, não poderia faltar a inclusão de quase 70% da população brasileira: as pessoas que usam plus size. A responsabilidade com o meio ambiente e com o social é algo vívido, enraizado e prioridade desde o nascimento da . “Não tem regras, não tem rótulos, não tem etiqueta, é ser quem você é no dia da celebração do seu amor”, contou Marcela Abdalla, estilista e fundadora da empresa.

As peças são criadas no princípio dos 3R’s da sustentabilidade: reduzir, modelagens que aproveitem o máximo do tecido e o que sobra de retalho são criados brindes para dar de presente para xs noivxs e alguns acessórios também. Nada é jogado fora! Reutilizar é o upcycling – reutilização criativa – de vestidos de noivas ou peças em geral antigas das mães, avós, madrinhas e, a partir dali, criado algo novo. Reciclar, começou com os retalhos de vestidos que eram usados para transformar sapato de brechó em sapato de noiva, para criar grinalda, detalhes dos vestidos e véus. O mundo agradece, Ma! 


Leia mais

+ Damas de honra: tradições e curiosidades

bg-divisoria

 Os mais badalados estilistas de Brasília

bg-divisoria

+ O que escrever no convite de casamento?

 


E não são só as peças voltadas para a responsabilidade ambiental, a marca faz vestidos plus size também! Segundo Marcela, nunca teve diferença alguma em fazer uma peça para gordxs. Mesmo usando mais tecido, o aproveitamento é muito maior. Um vestido plus, por exemplo, aproveita muito mais o tecido e gera muito menos lixo. Para ela, não existe essa de “usa vestido com manga, usa vestido com silhueta apertada, vamos esconder o braço, vamos usar cinta”, inclusive, a maioria dos vestidos plus assinados pela marca são cropped.

Hoje, a sociedade vive um momento novo e é muito importante termos marcas, como a Meeck, que sejam tão inclusivas. Mulheres e homens estão cansados de serem inseridos num padrão que não existe. O padrão é você ser quem você quer ser, é a sua beleza como ela é, é o que VOCÊ quer vestir. 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


ic indica

avatar

Jornalista apaixonada por casamentos, Laura sonha em se casar no campo decorado por muitos lírios. Libriana é indecisa por fama, mas ela escolheu a IC sem pensar duas vezes e assim encontrou seu lugar!