Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

Votos de casamento de A à Z

Por  |  0 Comentários


No casamento, os momentos de declarações de amor – como os votos ou homenagens a pessoas importantes na relação do casal – emocionam e deixam marcas profundas em todos os envolvidos. Confira cinco dicas de como escrever de forma personalizada!

Já está prestes a escrever seus votos de casamento e não faz ideia por onde começar? A jornalista Thais Zanchettin, criadora do projeto Com Amor Vírgula, diariamente escreve para inspirar pessoas a decmonstrarem seus sentimentos de forma especial e única. Dessa vez, a dica dela se estende às leitoras da IC que estão com o pé no altar, prestes a fazer a declaração de amor mais importante de suas vidas: os votos de casamento. Veja as dicas dela!

AS SENSAÇÕES INESQUECÍVEIS

Deixe de lado a timidez, a falta de intimidade com a oratória, o medo de se expor. Nada disso pode falar mais alto do que a oportunidade que celebrações como o casamento proporcionam de declarar os seus mais profundos sentimentos e emoções para aqueles que ama. O casamento é a festa do amor, da entrega entre duas pessoas, e me arrisco a eleger os votos como o ápice desta celebração.

É nesse momento que o casal está frente a frente, olhar fixo nos olhos do outro. As palavras começam a ser ditas e, mais do que sons chegando aos ouvidos, vão materializando a história do casal, os sentimentos e os desejos que os conduziram até o altar.

Os votos personalizados vão além de um simples juramento, são uma verdadeira declaração de amor. Eles garantem não só conexão profunda entre os noivos, como também integram os convidados àquele momento tão especial. Em menor ou maior grau, ao ouvirem juras marcadas por traços e momentos pessoais, os convidados sentem-se parte da história. Pais, parentes e amigos percebem-se cúmplices do caminho que levou os noivos até o altar e, obviamente, se emocionam. Riem, choram, abraçam-se entre si e muitas vezes renovam os próprios sentimentos. É uma cena que fica talhada na parede da memória.

Além desse momento de conexão e puro amor, os votos, assim como outras declarações de afeto (há noivos que gostam de homenagear pais ou alguma pessoa representativa na vida a dois), fazem toda a diferença na edição dos vídeos do casamento. Em conversa com videomakers experientes, já ouvi que a falta de momentos de emoção ou de palavras de amor dificultaram a construção e a edição de um bom filme. Quem melhor para narrar a história do que o próprio casal? Os votos de casamento condensam a infinidade de sutilezas que foram construídas pelos dois entre o “era uma vez” e o “felizes para sempre”.

Além desse aspecto prático, há outro mais profundo. É preciso não esquecer do que realmente importa. As pessoas precisam saber-se amadas, importantes. Precisamos resgatar o afeto que se perdeu no dia a dia de uma vida corrida e globalizada, em que conversas superficiais e mensagens padronizadas surgiram como solução à lógica da agilidade, da impessoalidade. As mídias sociais também têm uma parcela de peso na extinção das demonstrações de afeto por meio de palavras. Se por um lado temos mais facilidade para nos comunicar (inclusive com pessoas distantes fisicamente), por outro desaprendemos a conversar (inclusive com aqueles do nosso convívio mais próximo). Emoticons, repetições de vogais para reforçar a pronúncia de um sentimento (como “te amooo”, “te adooooro muitoooo”) acabam deixando nossas mensagens e expressões mais rasas e clichês.

Falar de sentimentos é ainda um exercício de amor e de bem-estar. Escrever uma carta de agradecimento (e lê-la para o destinatário) é um exercício capaz de proporcionar sensação de felicidade por mais de um mês, garante o professor Martin Seligman, da Universidade de Psicologia da Pensilvânia, nos Estados Unidos. As palavras têm o poder de ficar guardadas em nós.

Se as fotos e o vídeo registram toda a magia e beleza do casamento, permita que as palavras deixem gravados em vocês os sentimentos inesquecíveis construídos ao longo da relação e declarados durante a festa.

Por isso, não perca a oportunidade de abrir seu coração, de permitir-se essa conexão profunda e bonita que faz a vida valer a pena. As palavras verdadeiras, aquelas construídas longe de clichês e cumprimentos protocolares, são capazes de emocionar e ficar marcadas para sempre.

DICAS INFALÍVEIS PARA VOTOS EMOCIONANTES

Como resumir em um único texto a trajetória do casal, os sonhos para o futuro e as juras que serão feitas? Acima de tudo, é preciso verdade e autenticidade, já que cada história é única. Não há um modelo pronto com lacunas a serem preenchidas, mas separei cinco dicas que ajudarão você a acessar seus sentimentos e transpô-los para o papel (elas também servem para os textos de homenagem).

DEFINA SUA MENSAGEM CHAVE

O primeiro passo é encontrar qual frase ou declaração resume a ideia principal dos votos. Não se preocupe se essas ideias iniciais forem clichês como “eu te amo”, “você é a pessoa mais importante”, “eu preciso de você”, “nascemos um para o outro”. Elas servirão apenas de base para os próximos passos.

FAÇA PERGUNTAS A SI MESMA:

Para fugir do clichê e das palavras vazias, é preciso dar concretude aos sentimentos, às emoções. Para conseguir isso, é necessário um exercício de entrega e reflexão. A partir da mensagem-chave, relembre a história de vocês dois, os bons e maus momentos, as situações mais importantes, faça-se perguntas para entender como o sentimento foi construído. Consciência é o nível mais sutil do afeto.

PENSE NO SEU PAR E NOS PLANOS PARA O FUTURO

Todos gostam de deixar marcas pessoais uns nos outros, por isso, pense sobre quem é a pessoa pela qual você se apaixonou, quais as características mais marcantes dela. Também eleja quais promessas, entre tantas, você considera necessárias fazer e que são valores importantes ao seu par. Entregue em seus votos a certeza de que você conhece profundamente o seu amor.

ESCREVE COM O CORAÇÃO E COM SEU PRÓPRIO ESTILO

Com as respostas aos questionamentos anteriores, já será possível deixar para trás as palavras vazias e as mensagens protocolares. Para construir o texto, seja fiel ao seu estilo e à linguagem que usa com o seu amor e com os seus familiares. Elenque o que é mais importante e construa o seu texto.

SEJA SEMPRE VERDADEIRO

Não escreva palavras que não for capar de sentir genuinamente. Além de soar falsas, elas podem descredibilizar todo o discurso. Não escreva bonito em detrimento da autenticidade. Somos capazes de emocionar apenas com sinceridade e entrega. Lembre-se sempre: a beleza vive muito mais perto da verdade do que da perfeição.


CRÉDITOS

1 – Sutido 47  |  2- Kyra Mirsky  |  3- Gabriel Ribeiro  |  4- Rodrigo Sack  |  5- Rafael Baranda  | 6- Libélula Fotografia

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr