Tradições e culturas casamenteiras

Por  |  0 Comentários


Você conhece as origens das famosas tradições dos casamentos? Recorde algumas das principais e saiba como elas têm se reinventado no mundo contemporâneo. Veja!

Um brinde às tradições! Elas nunca morrem e estão sempre se reinventando. Cá entre nós, quem não gosta? Cheios de simbolismos diferentes, os rituais dão mais sentido ao GRANDE DIA e trazem inspirações, uma atmosfera de pura diversão e as melhores energias do mundo aos noivos, afinal, eles merecem!

É por isso que vamos fazer uma retrospectiva das principais tradições mais reproduzidas, que acompanham os casamentos – desde os mais simples até os mais luxuosos e sofisticados – e que variam de acordo com a cultura de cada lugar. Vem com a gente!

♥ JOGAR O BUQUÊ

Empurra pra lá, empurra pra cá. Alvoroço, gritos, alegria e empolgação. Esse é um dos momentos mais esperados do casamento. Por quê? É a hora da noiva dividir a felicidade com as amigas solteiras. Quem sabe a premiada pode ser a próxima a casar? Ou não. Há quem diga, por experiência própria, que pegar o buquê dá azar. Verdade ou mentira ninguém sabe. O que importa é que a tradição continua de pé, firme e forte.

UPLOAD: para as noivas que quiserem inovar esse momento, vejam outras inspirações de diferentes formas de jogar o buquê e “abençoar” a mulherada.

Tradições: hora de jogar o buquê - Foto Alessandra Pinho

♥ CHUVA DE ARROZ

A tradição nasceu na China, mas acabou contagiando o mundo inteiro e atravessou milênios. No país, o arroz é o símbolo da prosperidade, saúde e felicidade. Ou seja, o ato de jogá-los nos noivos, geralmente no fim da cerimônia, significa fartura e fertilidade.

UPLOAD: para repaginar a tradição, existem outras opções de “chuvas” com a mesma simbologia. Chuvas de arroz em formato de coração, pétalas de rosas, bolinhas de salão, balões de gás, sparkles, sky papers, pompons e até borboletas. Leia mais sobre cada uma!

Tradições: chuva de arroz no casamento - Foto Rodrigo Sack

♥ TRADIÇÃO INGLESA: something old, something new, something borrowed, something blue

Quatro detalhes de uma vez só! Calma que a gente explica! O ditado é britânico, mas a tradição ganhou muita força nos Estados Unidos e algumas adeptas no Brasil. A simbologia funciona assim: no dia do casamento, a noiva deve usar algo velho (significa a continuidade com a família dela e a ligação com o passado), algo novo (representa o futuro com sorte e esperança para a nova vida de casado), algo emprestado (simboliza a amizade e que pessoas queridas estarão sempre por perto) e algo azul (a cor, que representa a fidelidade na Roma Antiga, traz a ideia de pureza).

COMO FUNCIONA NA PRÁTICA?

Something old – pode ser um véu, um terço ou uma joia de família

Something new – um milhão de possibilidades desde uma simples grinalda até o vestido de primeiro aluguel

Something borrowed – véu também serve e quaisquer objetos emprestados por amigos ou pela família

Something blue – sapatos, fitas, laços, lingeries, cor do esmalte (apesar de não ser tão comum), maquiagem… O detalhe só precisa ter a cor e pronto!

Tradições: something blue - Foto Chá das Duas

Leia a matéria que explora mais o assunto e traz ideias para se inspirar!

♥ NOME DAS AMIGAS SOLTEIRAS NA BARRA DO VESTIDO

Outra tradição famosa! Não é simpatia nem superstição. É uma brincadeira que, assim como jogar o buquê, privilegia algumas amigas da noiva. Trata-se de escrever os nomes das companheiras em uma fita e colar ou pendurar na barra do vestido.

UPLOAD: para as noivas mais detalhistas, a opção de bordar os nomes também está em alta. Sequência de pequenos corações com os nomes escritos também fazem sucesso. Na Inesquecível Casamento, 90% das noivas aderem à tradição. Divirta-se com a nossa matéria que explorou muito bem esse assunto!

Tradições: nome das amigas na barra do vestido - Foto Carolina Cattan

♥ BEM-CASADOS

Que os bem-casados são os doces mais famosos de todo casamento, nós já sabemos. Não importa o estilo da festa. Eles estarão sempre lá, dando mais charme à decoração e adoçando o paladar dos convidados. Campeão entre as antigas tradições, o doce representa duas partes que se unem e são seladas pela cumplicidade e respeito. Reza a lenda que todos que o saborearem abençoarão os noivos com sorte e felicidade.

UPLOAD: bem-casados com embalagens personalizadas, enfeites com pérolas ou brilhos na fita que envolve o doce fazem muito sucesso com o visual!

Tradições: bem-casados com embalagens estampadas - Foto Rodrigo Sack

♥ CORTAR A GRAVATA

Outro tipo de brincadeira muito comum e BRASILEIRA é o corte da gravata do noivo na festa. O objetivo é arrecadar um dinheirinho extra para a lua de mel do casal. Geralmente, quem se encarrega desse papel são os amigos dos noivos, que passam de mesa em mesa “abordando os convidados”.

UPLOAD: Para quebrar o gelo e deixar a festa ainda mais divertida, que tal presentear os convidados que contribuírem com a brincadeira? Balões personalizados ou adesivos estão na moda.

Tradições: balões personalizados para o corte da gravata - Marina Lomar Fotografia

♥ CORTAR O BOLO DE CASAMENTO JUNTOS

Poucos sabem dessa tradição! Quando os noivos cortam o bolo de casamentos juntos, eles fazem um acordo de uma vida única prestes a ser compartilhada com a sociedade. Para garantir a fertilidade, a noiva deve comer o primeiro pedaço.

UPLOAD: hoje em dia é comum observar bolos com vários andares. Na verdade, cada andar tem um significado. Para os bolos artísticos de três andares, eles simbolizam o compromisso, o casamento e a eternidade.

Tradições: bolo de três andares - Foto Nattan Carvalho

♥ COLOCAR UMA NOTA DE DINHEIRO NO SAPATO

Para os que acreditam em superstições, anotem aí. O ato de esconder uma nota de qualquer valor no sapato direito quer dizer que, ainda que os noivos enfrentem dificuldades financeiras, nunca ficarão sem dinheiro. Quanto maior for o valor, melhor. Fica a dica!

Tradições: nota no sapato da noiva - Foto Nilson Versatti

♥ UM GIRO PELAS TRADIÇÕES CASAMENTEIRAS DO MUNDO AFORA

China

COR: o vermelho é sempre muito importante

SIMBOLOGIA: alegria e  amor

TRADIÇÃO: a cor está presente na decoração, nos convites e até no vestido da noiva.

CURIOSIDADES: a noiva chinesa chega a ter pelo menos três modelos para usar na festa.

Tradições: trajes chineses para casamentos - Divulgação

Índia

TRADIÇÃO: na cerimônia do Mehndi Rat, as mãos e os pés da noiva são tatuados com hena. Os desenhos são muito detalhados, que demoram horas até ficarem prontos.

CURIOSIDADES: a noiva indiana deve estar adornada com muitas e muitas joias.

Tradições: casamento indiano - Photo Shoot Chicago

Israel

TRADIÇÕES: as cerimônias e as festas judaicas são recheadas de simbologias e metáforas que fazem referência ao Antigo Testamento da Bíblia. Cada detalhe tem todo um contexto e um significado de acordo com o judaísmo. Veja:

  • o noivo entra antes da noiva
  • a quebra do copo de vidro, por exemplo, é a mais conhecida. O noivo quebra com o pé direito um copo para lembrar a destruição do Templo em Jerusalém. O vidro representa a reconstrução e o ritual simboliza que o homem é mortal.
  • o chuppah é tipo uma tenda onde acontece a cerimônia religiosa. Ele representa o novo lar que os noivos vão construir juntos. Ele é uma proteção que representa a bênção infinita de Deus e a harmonia conjugal.
  • no chuppah, a noiva e os pais dão sete voltas ao redor do noivo. Isso faz referência aos sete dias da criação do mundo.
  • no fim da cerimônia, os convidados gritam “Mazel Tov”, que significa “boa sorte” em hebraico.

Dança judaica no fim da festa - Foto Rodrigo Sack

Rússia

TRADIÇÃO: há um momento na hora da festa de casamento russo em que todos atiram as taças de vidro no chão. Isso traz sorte para os noivos na nova vida a dois.

Grécia

TRADIÇÃO: em vez de taças como na Rússia, os convidados quebram pratos durante a celebração. O ritual também promete sorte. Imagina a bagunça?

Tradições: quebra de pratos na Grécia - VM PotographyTradições: convidados quebrando pratos na Grécia - VM Potography

Japão

TRADIÇÃO: um dos fortes traços da cultura japonesa é homenagear os antepassados, inclusive, nas cerimônias de casamentos. A lembrança é feita com enfeites com os nomes dos avós dos noivos e de amigos já falecidos.

DECORAÇÃO: buquês, arranjos e enfeites de origamis não podem faltar para deixarem o clima ainda mais oriental na festa.

Tradições: enfeites de origami na decoração - Foto Marina Fava Tradições: homenagem aos antepassados - Foto Marina Fava

Leia a matéria completa sobre casamento no Japão no nosso site!

Arábia Saudita

TRADIÇÃO: as cerimônias muçulmanas são cheias de simbolismos em cada momento celebrado. Tudo é registrado, assinado e oficializado para selar a união. A chegada do noivo é acompanhada de tambores e outros instrumentos musicais. Assim como na cultura indiana, as noivas também são tatuadas com hena. Dois dias antes da cerimônia, elas recebem uma massagem feita com uma basta à base de açafrão, sândalo e óleo de jasmim. Veja o casamento de Samira e Alex com algumas tradições árabes.

Tradições: costumes árabes no casamento - Foto Roman Fotografias

E aí? Qual tradição você vai adotar para o seu casamento?

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR...