Philadelphia, cidade americana histórica e divertida

Por  |  0 Comentários


Vida noturna, cultura e história juntos em um só lugar. Conheça a Philadelphia!

Philadelphia ou Philly, como é chamada nos Estados Unidos, é a cidade que todo americano conhece ou sonha conhecer porque tem uma enorme importância histórica, afinal foi uma das Treze Colonias e terra de Benjamin Franklin, um dos líderes do movimento de independência americana. De lá saíram muitas idéias que fundamentaram a democracia dos Estados Unidos.

Philadelphia, contudo, é uma cidade turística para todos! Fica a uma hora e meia de trem de New York e a duas horas de carro, são apenas 160 Km de distância entre elas, por isso muitos turistas vão e voltam no mesmo dia. No entanto, como é uma grande cidade, na verdade a segunda da costa leste depois de New York, é melhor passar alguns dias aproveitando para conhecer não só o encanto do seu imperdível centro histórico, o Old City, mas também os lindos parques e excelentes museus da cidade, sem esquecer dos  animados “happy hour” e da agitada vida noturna.

Uma rua em old city Filadelfia Foto Roberto PereiraFiladelfia à noite Foto Roberto PereiraHappy hour em  Filadelfia Foto Roberto PereiraFiladelfia Foto Roberto Pereira

Independence National Historic Park é o coração do centro histórico. O Visitor’s Center fica neste parque e lá você obtém todas as informações sobre a cidade. Além do Centro de Turismo, o Liberty Bell Center, o Independence Hall, o Congress Hall, o New Hall Military Museum, o Franklin Court, o Bishop White House e a Graff House também estão neste parque.

Philadelphia Independence National Historic Park Foto Roberto Pereira

O ponto turístico mais visitado no parque é o Liberty Bell, passeio obrigatório para todos os visitantes, americanos ou não, afinal o Sino da Liberdade é um dos mais importantes símbolos da Revolução Americana e da Guerra da Independência. A frase emblemática que vem inscrita nele: “Proclaim Liberty Throughout All the Land Unto All the Inhabitants thereof” (“proclama a liberdade através de toda a terra a todos os seus habitantes”) inspirou abolicionistas, defensores do voto feminino e líderes dos Direitos Civis, e foi o toque deste sino que intimou todos os cidadãos a comparecerem para ouvir a leitura da Declaração da Independência!

Liberty Bell Philadelphia Foto Roberto Pereira

Outro lugar muito visitado é o Independence Hall, onde foram assinadas a Declaração de Independência e a Constituição dos Estados Unidos. Só se entra em grupos guiados por um funcionário e ao chegar fica-se numa fila aguardando o guia vir apanhar os visitantes, mas a fila anda rapidamente.

Philadelphia Independence Hall Foto Roberto Pereira

Não deixem de ir ao Redding Terminal Market, é um mercado que vale a pena conhecer. Além dos produtos rurais vendidos como numa feira, há muitos quiosques de comida, sanduíches e sorvetes onde você pode escolher o que saborear. O que comemos num dos estandes foi muito bom, eu pedi um sanduíche de carne de porco e o Roberto preferiu frango com fritas.

Redding Terminal Market Philadelphia Foto Roberto Pereira

Os museus de Filadélfia são fantásticos! O mais famoso é o Philadelphia Museum of Art, não só pela beleza e imponência do prédio e do seu rico acervo, mas também pela escadaria – Rocky Stepway – na qual Sylvester Stallone, no filme Rocky Balboa, sobe correndo. Vimos muita gente subindo os degraus, enquanto alguns ainda cantavam a música do filme. Achei divertido e pensei no preparo físico do pessoal!

Philadelphia Museum of Art Filadelfia Foto Roberto Pereira

Philadelphia Museum of Art é um dos maiores museus dos Estados Unidos, com mais de 200.000 obras de arte na sua coleção permanente, desde o século I aC da cultura ocidental, esculturas e pinturas antiquíssimas da China, Japão e Índia, tapetes persas e turcos, obras italianas e flamengas do período Renascentista, sem falar nos pintores modernos como Pablo Picasso e Marcel Duchamp. Passamos o dia inteiro no museu e não deu para ver tudo, pois ele é muito grande! Considero que, para quem gosta de arte, é uma visita imperdível.

Salon Philadelphia Museum of Art Foto Roberto PereiraPhiladelphia Museum of Art  Claustro Medieval Foto Roberto PereiraPhiladelphia Museum of Art Claustro Medieval Foto Roberto Pereira

Um museu lindo e pequeno é o Rodin Museum, foi um prazer apreciar algumas obras do mestre Rodin. Projetado por um arquiteto francês, Paul Cret, com paisagismo de um designer também francês, Jacques Gréber, foi doado como presente para sua cidade natal, pelo benfeitor Jules E. Mastbaum, empresário nascido em Filadélfia.

Museu Rodin em Filadelfia Foto Roberto PereiraInterior Rodin Museum Philadelphia Foto Roberto Pereira

Albert C. Barnes, um químico colecionador de arte que fez fortuna com a descoberta de um remédio para doença venérea, fundou a  Barnes Foundation em 1922 para “promover o avanço da educação e a valorização das artes plásticas e da horticultura”. Sua coleção de pinturas impressionistas, pós-impressionistas e modernas é espetacular, com obras de Renoir, de Paul Cézanne, de Henri Matisse, de Pablo Picasso, de Henri Rousseau, de Amedeo Modigliani, de Chaim Soutine, e de Giorgio de Chirico entre outros. Roberto ficou pesaroso porque é proibido fotografar as obras de arte da  Fundação Barnes!

  Barnes Foundation em Filadelfia Foto Roberto PereiraRecepção  Barnes Foundation em Filadelfia Foto Roberto Pereira

A Catedral Basílica de São Pedro e São Paulo, de 1864, é muito bonita e imponente, com assentos para 2.000 fiéis. Foi projetada por um arquiteto nascido em Filadélfia, Napoleon LeBrun, filho de franceses católicos. Há uma curiosa história em relação a construção desta catedral. Como ela foi construída logo após uma rebelião contra os católicos, suas janelas são muito altas para que as pedras de uma suposta revolta futura não as atingissem.

Catedral de Philadelphia Foto Roberto PereiraUm dos altares laterais da Catedral de Filadelfia Foto Roberto Pereira

Uma das melhores noites  desta viagem foi o jantar no lendário Victor Cafe. Imagine um restaurante italiano em que todos os empregados são estudantes de música, desde o recepcionista até os cozinheiros. A cada vinte minutos, mais ou menos, uma equipe de funcionários fica a espera do soar da campainha para cantar um trecho de ópera, enquanto a outra equipe continua a servir os clientes e assim vão se revezando. A comida é excelente e o serviço impecável. Leva-se uns quinze minutos de táxi do centro histórico ao bairro italiano, mas vale a pena ir até lá, mesmo que não aprecie ópera, você viverá momentos alegres que se tornarão inesquecíveis.

Victor Cafe em Filadélfia Foto Roberto Pereira

Filadélfia é uma cidade com muitos parques e jardins, além do mais famoso, já citado, Independence National Historic Park, tem o  Fairmount Park à beira do rio Schuylkill, uma enorme área de lazer com espaço para crianças, bicicletas e piquenique. Se você passar muitos dias na cidade vale a pena conhecê-lo.

Longwood gardens ou Philadelphia’s Magic Gardens é muito especial. Imagine uma história contada por mosaicos, feitos de pedacinhos de vidro ou cerâmica, assim é este mágico lugar.

Nós nos hospedamos no The Independence Park Hotel no distrito histórico, portanto junto aos principais pontos históricos, ao lado de ótimos restaurantes e cafés. Foi o primeiro hotel boutique histórico da cidade e eleito pelo Departamento de Interior dos EUA como um marco histórico nacional.

The Independence Park Hotel Foto Roberto Pereira

Chegamos em Filadélfia com o propósito de conhecer um pouco mais da história americana, sem grande expectativa quanto à diversão e arte, mas fomos surpreendidos ao encontrarmos uma cidade linda e vibrante, onde se respira história e cultura, mas também muita alegria e animação.

Agradeço ao nosso amigo Armond Gagliardi, americano de Filadélfia, que nos deu as dicas para melhor aproveitar nossa viagem.

Hard Rock Cafe em Filadélfia Foto Roberto Pereira

Se você pretende viajar e quiser uma consultoria para melhor planejar sua viagem, conte com as agências de viagem e hotéis que a Inesquecível Casamento recomenda no Guia de Fornecedores  para fazer um perfeito roteiro de sonho para a sua viagem.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Casada, mãe de três filhos e avó-coruja de seis netos. Formada em Português Latim, Línguas e Literaturas pela UERJ, gosta de descobrir novas culturas e viajar mundo afora. Organizada, sabe planejar meticulosamente cada roteiro para usufruir do melhor a um custo justo. Com o passaporte carimbado, ela compartilha aqui suas experiências.