Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

Parque Nacional Zion: beleza e aventura para todos os gostos

Por  |  0 Comentários


Zion National Park é o parque de beleza natural  que se destaca dos demais dos Estados Unidos! Conheça mais e se encante!

Um dos mais belos parques nacionais dos Estados Unidos é o Zion National Park, no estado de Utah, a duas horas e meia de carro de Las Vegas. Seu nome não poderia ser mais apropriado, a palavra vem do hebraico e significa: santuário; Realmente é um recanto sagrado da natureza que se mostra espetacularmente neste lugar.

Os fotógrafos ficam apaixonados com a paisagem, é um cenário perfeito para fotografia e Roberto soube explorar da melhor maneira a beleza do parque.

Entrada do Zion National Park Foto Roberto Pereira

A beleza do Zion Park Foto Roberto Pereira

Ficamos dois dias hospedados em Springdale, a cinco minutos da entrada do parque pegávamos então o shuttle gratuito que passava a cada sete minutos em frente ao nosso hotel.  Há outras cinco paradas de ônibus na cidade. Para quem preferir ir de carro existe um pequeno estacionamento gratuito no Visitor Center e outro no Zion Human History Museum. O ideal é ficar no hotel dentro do parque, mas para isto é preciso reservar com muita antecedência, dependendo da época até um ano antes!

Aguardando o shuttle, a fila anda muito rapidamente Foto Roberto Pereira

O parque está aberto 24 horas durante o ano inteiro para as mais diversas atividades: trilhas, caminhadas pelo rio, passeios de bicicleta ou a cavalo, além de áreas para “picnic”. Para aventureiros ou amantes de caminhada têm muitas trilhas à disposição. A maioria, apesar de longas, são de nível fácil.

Bicicletas são bem vindas no Zion Park Foto Roberto Pereira

Área de lazer para picnic no Zion Park Foto Roberto Pereira

Caso não pense em conhecer o parque por meio das trilhas a dica é ir de ônibus até a última parada – Temple of Sinawava – e de lá começar o passeio, fugindo de multidão. Fizemos desta forma e voltamos descendo em todas as paradas para explorar os locais, ao final do dia já estávamos na saída do parque, sem pegar o shuttle lotado. Diferente do contrário de quem começou pela primeira parada que tinha que retornar da parada final em ônibus cheio, depois de enfrentar uma enorme fila.

Uma das atrações mais populares é passear pelo Riverside Walk. O ideal é descer na parada Temple of Sinawava e caminhar tranquilamente ao lado do rio Virgin por um terreno regular. Ao final, depois de mais ou menos trinta minutos  chega-se ao  The Narrows, a região mais estreita do Canyon Zion. Ao final não existe mais um trajeto definido e regular, pode-se levar até oito horas entre ida e volta. Dizem ser um belíssimo passeio, mas ficamos apenas no início da caminhada.

Relaxando no Zion Park Foto Roberto Pereira

Trilha pelo rio em Zion Park Foto Hilma Pereira

Caminhada no The Narrows em Zion Park Foto Roberto Pereira

Na região de Emerald Pools há trilhas fáceis e moderadas. Para chegar até o inicio delas saltar na parada Zion Lodge, que é a do hotel dentro do parque, aliás recomendo o seu excelente restaurante Red Rock Grill onde almoçamos.

A entrada do Red Rock Grill restaurante no Zion Lodge Foto Roberto Pereira

A trilha Angels Landing é desafiante, de nível muito difícil, apenas os veteranos em trilha se arriscam a fazê-la.

Big Bend é a região cercada por paredões cortados pelo rio Virgin e de onde se tem uma visão do Canyon de baixo para cima, um ângulo também muito bonito, sem precisar fazer trilha e um bom lugar para uma pausa!

As incríveis rochas do Zion Park Foto Roberto Pereira

Pausa para relaxar Foto Roberto Pereira

Fizemos uma trilha em Weeping Rock que é bem íngreme, mas muito curta. O passeio levou cerca de trinta minutos, descemos na parada do mesmo nome, ao final tivemos uma bela vista e aproveitamos para descansar.

Final da trilha Weeping Rock Foto Roberto Pereira

O conjunto de montanhas conhecidos como Court of the Patriarchs pode ser admirado de um mirante próximo da parada de ônibus do mesmo nome. Vale a pena ir até lá!

Mirante Court of the Patriarchs

Uma agradável e bonita caminhada foi a que fizemos margeando o rio, pegando a trilha Pa’rus que é bem fácil e acessível. Então, descemos na parada Canyon Juction e andamos por 2,2 Km apreciando paisagens lindas com pequenas quedas d’água  e flores de cactus que se espalhavam pelo caminho. Até chegarmos a parada do Zion Human History Museum, que aconselho visitar.

Caminhando à margem do rio em Zion Park Foto Roberto Pereira

Flores de cactus em Zion Park Foto Roberto Pereira

Depois de dois intensos dias no Zion National Park seguimos viagem rumo ao próximo parque: Bryce Canyon National Park. Fomos por uma das estradas mais cênicas de Utah, a Zion-Mount Carmel Highway. O passeio é imperdível e as vistas são de tirar o fôlego.

Zion-Mount Carmel Highway Foto Roberto Pereira

Nos Estrados Unidos há 54 parques nacionais, cada um deles com sua beleza, sua diversidade geográfica e suas atrações levam milhares de turistas a visitá-los. Já viajamos por vários e gostei de todos, mas o Zion National Park me encantou pela magia de suas formações montanhosas, pela beleza de seus canyons e pelo seu colorido único, realmente passamos dias inesquecíveis neste lugar!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Casada, mãe de três filhos e avó-coruja de seis netos. Formada em Português Latim, Línguas e Literaturas pela UERJ, gosta de descobrir novas culturas e viajar mundo afora. Organizada, sabe planejar meticulosamente cada roteiro para usufruir do melhor a um custo justo. Com o passaporte carimbado, ela compartilha aqui suas experiências.