A envolvente beleza do oeste canadense

Por  |  2 Comentários



“Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando!” Foi assim, como a máxima de Mario Quintana, que chegamos à costa oeste do Canadá para uma inesquecível viagem. Queríamos conhecer as famosas Montanhas Rochosas e as vinícolas canadenses, além de realizar um dos nossos sonhos – viajar em grande estilo a bordo do luxuoso e confortável trem panorâmico Rocky Mountaineer, tendo Banff como destino. Não nos arrependemos da escolha, pois se o Canadá é lindo, a costa oeste é deslumbrante. Qualquer cidadezinha deixa-nos extasiados diante da admirável paisagem. Vancouver logo nos encantou pela beleza e organização. Os parques com seus jardins floridos espalham-se pela cidade repleta de excelentes restaurantes e lojas de grifes famosas às mais populares.

Banff  Foto Roberto Pereira

Ficamos hospedados no elegante Fairmont Hotel Vancouver. A localização perfeita no centro de Vancouver nos possibilitou diversos passeios pelas ruas agitadas da redondeza. A temperatura amena e os dias longos do verão foram perfeitos para fazermos belos passeios como ao Stanley Park, onde as pessoas aproveitam para caminhar ou andar de bicicleta. Conhecemos também a famosa Capilano Bridge, uma ponte suspensa na qual foi filmada a antológica cena do Indiana Jones. A sensação é incrível!

Vancourver Fairmont Hotel Foto Roberto Pereira

Fomos a Grouse Mountain. No inverno é uma estação de esqui, mas no verão é o local de onde se tem uma vista extraordinária da cidade após a subida de gôndola. Na volta do giro pelas Montanhas Rochosas ficamos novamente em Vancouver, no Fairmont Pacific Rim, totalmente high tech, da luxuosa cadeia Fairmont. Aproveitamos para visitar o Canada Place, maravilha arquitetônica à beira-mar e a torre de Vancouver. No final da tarde fomos à Granville Island, um local alegre e descontraído com várias lojas de artesanato, restaurantes e bares. Vancouver foi o Alfa e o Ômega de nosso tour pelo Canadá e apreciamos cada minuto desse lugar bonito e agradável.

Mas a grande expectativa era a viagem no trem Rocky Mountaineer que nos levaria até as Montanhas Rochosas. Foram dois dias maravilhosos de viagem, com paisagens indescritíveis ao longo do percurso de Vancouver a Banff. O transfer nos apanhou às 6h30 no hotel. Ao chegarmos à estação, o staff nos recepcionou com música e bebida. Às 7h30 o trem partiu e foi servido então o delicioso café da manhã no vagão restaurante.

Rocky Mountaineer Foto Roberto Pereira

O trem é muito bonito e o teto em vidro da classe GoldLeaf Service nos possibilitou apreciar a vista de todos os ângulos, a plataforma aberta no fim do vagão foi perfeita para fotografar. No excelente restaurante almoçamos saborosos pratos, regados a vinho. Durante todo o tempo da viagem foram servidos canapés, frutas e bebidas. Foram horas desfrutando de belas vistas panorâmicas ao longo do percurso. Não sentimos as horas passarem, o excepcional serviço e o staff educado, atencioso e divertido tornou a viagem mais agradável ainda.

Às 17h chegamos a Kamloops para pernoite no hotel, um presente foi deixado no apartamento: lindas gravuras de paisagens canadenses. No dia seguinte, às 7h, prosseguimos viagem até Banff. Como no dia anterior, foram servidos o café da manhã, aperitivos e o almoço. Novamente vimos uma espetacular sequência de paisagens. Finalmente chegamos a Banff. Foi uma longa viagem, mas ao mesmo tempo uma experiência inesquecível.

Fairmont Banff Springs Foto Roberto Pereira

Escolhemos o Fairmont Banff Springs para nos hospedarmos. Construído em 1888, é um suntuoso castelo, resort perfeito com inúmeras atividades e excelentes restaurantes. Banff é linda, situada no Parque Nacional de Banff, é a cidade ideal para ser curtida a dois. Caminhar pela rua principal é um prazer à parte, cheia de lojas charmosas e restaurantes agradáveis, é cercada por grandiosas montanhas.

Subimos de gôndola até a Sulphur Mountain, de onde observamos o lindo vale do rio Bow, o nosso magnífico hotel castelo e a cidadezinha de Banff. Bem próximo do teleférico ficam as famosas piscinas de águas quentes, Upper Hot Spring Pool. Passeamos de barco no lago Minnewanka, de água azul, parcialmente congelado, com as imensas montanhas ao fundo… cena imperdível! Como fomos no verão, não conhecemos as famosas pistas de esqui.

Panorama Victoria Glacier  Foto Roberto Pereira

Depois de dois dias inesquecíveis em Banff, partimos pela cênica Bow Valley Parkway em direção a Lake Louise. É impossível seguir sem parar, inúmeras vezes fizemos um stop para apreciarmos a paisagem que se descortinava aos nossos olhos, a mais espetacular é a trilha do Johnston Canyon, que leva a duas cachoeiras, por meio de uma passarela junto à parede rochosa do canyon. Um pouco antes de Lake Louise fica o lago Moraine, pequeno e encantador lago de águas azuis. Lake Louise é um dos mais românticos lagos do mundo. A cor esmeralda da água e a geleira Victoria ao fundo do lago, tornam impactante a paisagem deste lugar.Ficamos numa maravilhosa suíte do hotel Fairmont Chateau Lake Louise, com vista de 180 graus para o magnífico lago e geleira O Spa e os refinados restaurantes fazem deste hotel, o mais procurado da região.

Passeamos de canoa pelo lago, fizemos caminhadas pelas trilhas ao redor e desfrutamos do nosso imponente e charmoso hotel. No dia seguinte alugamos um carro e saímos pela Icefields Parway que vai de Lake Louise a Jasper. A beleza do cenário repleto de grandes montanhas e os intermináveis bosques de pinheiros fazem desta rodovia um passeio imperdível! No caminho pegamos uma estrada secundária que nos levou ao mirante Peyto Lake, lago de um azul impressionante, encravado em um vale entre altas montanhas.

Conhecemos no caminho a impressionante Athabasca Glacier, onde se anda sobre as geleiras num ônibus especial, o snow-coach,
que percorre alguns trechos dos 300 km cobertos de gelo. Depois de dias inesquecíveis deixamos a região das belas Montanhas Rochosas em direção à região dos vinhos canadenses.

Vernon foi nosso ponto de partida para explorarmos a bela região dos vinhos canadenses. Visitamos algumas excelentes vinícolas e degustamos bons vinhos.

Mission Hill na região dos vinhos do Canada Foto Roberto Pereira

Mission Hill Foto Roberto Pereira

Na regiaõ dos vinhos ficamos hospedados no surpreendente Hotel & Spa Sparkling Hill, situado no alto de uma colina com vista para lago Okanagan e as montanhas Monashee. Nesse hotel e spa mais de 3 milhões e meio de cristais Swarovski decoram seus espaços literalmente ofuscantes… Esplêndida estadia!

Sparkling Hill Resort e Spa Foto Roberto Pereira

O Canadá, país das maravilhas, com suas belas paisagens, seus imensos parques nacionais, seu povo gentil, alegre e educado, sua impecável rede hoteleira, fizeram nossa viagem ser e inesquecível! Agradeço ao Fabiano Turini, da Canadá Turismoque organizou todo o roteiro dessa perfeita viagem.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Casada, mãe de três filhos e avó-coruja de seis netos. Formada em Português Latim, Línguas e Literaturas pela UERJ, gosta de descobrir novas culturas e viajar mundo afora. Organizada, sabe planejar meticulosamente cada roteiro para usufruir do melhor a um custo justo. Com o passaporte carimbado, ela compartilha aqui suas experiências.