Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

O charme e romantismo da Lua de mel em Jaipur e Agra

Por  |  0 Comentários


Espiritualidade e cultura combinam com a lua de mel? Sim, e muito! Construções de tirar o fôlego e muita história podem sim serem muito românticas. Confira e saiba tudo!

Lar de templos grandiosos e palácios de marajás, a Índia é dona de uma história extraordinária que atravessou milênios. A espiritualidade e cultura do seu povo pode ser traduzida em docilidade e alegria, fazendo do país asiático um destino romântico e diferente para a lua de mel. Entre suas cidades, duas merecem uma atenção especial. Jaipur, também conhecida como a cidade dos Marajás, é uma das mais belas da Índia e apelidada como “a cidade cor-de- rosa” devido à coloração de suas construções. Fundada em 1727, é diferente das outras cidades indianas, pois foi a única a ser erguida de forma planejada. Repleta de muralhas, fortes e monumentos, sua arquitetura simboliza toda a riqueza e glamour do antigo Império Mughal. Já Agra, que fica às margens do Rio Yamuna, é sempre lembrada por ser o lar do icônico Taj Mahal, monumento tido como o principal símbolo indiano. Mas Agra reserva muitos outros atrativos que fogem do óbvio, como o Forte de Agra e o Itmad-Ud-Daulah, um mausoléu descrito como uma verdadeira “caixa de joias” tamanha sua beleza.

Onde ir em Jaipur

Jal Mahal

Em meio à movimentada Jaipur, o fascinante Jal Mahal (Palácio da Água) surge como um oásis: ele está situado sobre as águas do lago Man Sagar. Estima-se que o palácio tenha sido construído há mais de 300 anos, mas a data real permanece desconhecida até hoje. Feito de arenito vermelho, é composto por cinco andares, dos quais apenas o último e o terraço emergem quando o lago está cheio.

Palácio da Cidade

Este imponente palácio, fundado por Swai Jai Singh entre 1729 e 1732, era a antiga residência real. No centro da cidade antiga de Jaipur, o complexo exibe magníficos pátios e jardins e uma belíssima combinação das arquiteturas
rajastã e mughal. Hoje o palácio funciona como museu e guarda uma rica coleção de manuscritos, armamentos, tapetes e pinturas.

Hawa Mahal

O Hawa Mahal é uma extensão do Palácio da Cidade com imensas janelas, conhecido por parecer com favos de mel em uma colmeia. Construído em 1799, o prédio cor-de-rosa tornou-se um ícone da cidade e um dos exemplos mais fidedignos da arquitetura Rajput. O palácio cobre cinco andares e sua estrutura piramidal simboliza a coroa do deus Hindu Krishna e a cauda de um pavão, insinuando beleza e poder. Do interior, é possível observar o mercado principal e a avenida central da cidade.

Onde ficar

Taj Rambagh Palace Jaipur

O edifício é uma das joias arquitetônicas de Jaipur. Construído há dois séculos, já foi residência de reis e marajás. A decoração interior mantém o classicismo com um toque de vanguarda que contrasta harmoniosamente com as linhas autênticas do exterior. Nos dois restaurantes, pode-se provar a culinária indiana e internacional, enquanto dois bares servem bons coquetéis e apresentam uma respeitável carta de vinhos. O Jiva Grande Spa transporta os visitantes aos dias de realeza, em um ambiente de conto de fadas onde são realizadas terapias exclusivas com técnicas da antiga Índia.

Onde ir em Agra

Itmad-Ud-Daulah

Belíssimo mausoléu conhecido como o primeiro a ser construído totalmente em mármore com incrustações de pedras translúcidas. Localizado às margens do rio Yamuna, sua construção é circundada por espelhos d’água e é túmulo de Mirza Ghiyas Beg, avó da esposa do imperador Shah Jahan, que está sepultada no Taj Mahal.

Forte de Agra

Monumento do século 16, foi a antiga residência dos Imperadores Mughal. O magnífico complexo se espalha por 2,5 quilômetros de extensão e abriga palácios, salas e halls para audiências públicas. Foi declarado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1983. Foi no Forte de Agra que o imperador Shah Jahan ficou preso e passou seus últimos dias, em uma torre com vista para o Taj Mahal, sua obra prima, por ordem do terceiro filho, Aurangzeb.

Taj Mahal

Aclamado como a maior prova de amor do mundo, o lendário Taj Mahal foi declarado patrimônio da humanidade pela Unesco em 1983. A construção é um mausoléu construído por ordem do imperador Shah Jahan para imortalizar o amor por sua esposa favorita, Mumtaz Mahal. Inspiradora, a história que cerca o monumento é permeada por lendas românticas. Edificado em mármore branco, o Taj Mahal impressiona por sua grandiosidade e perfeição. Um dos pontos de destaque é a abóbada central, com tem 57 metros de altura. Foram necessários 17 anos para ser finalizado e contou com cerca de 20 mil operários, entre eles arquitetos da Pérsia, Turquia, França e Itália. Sugerimos a visita de manhã, bem cedo, quando o reflexo do sol nascente no mármore branco produz um efeito deslumbrante, além de evitar o horário que as multidões visitam o templo.

Onde ficar

The Oberoi Amarvilas

Construído com estilo inspirado na arquitetura moura e mughal, o The Oberoi Amarvilas é uma verdadeira exibição de suntuosos gramados, terraços, fontes, piscinas e pavilhões com interiores elegantes que remetem à Era dos Príncipes e Imperadores. Com vista para o magnífico Taj Mahal, seus quartos e suítes são ricos em ornamentos que refletem a cultura hindu, além de abundância em mármore. Os dois restaurantes servem cozinha internacional e culinária indiana, enquanto o spa reforça a milenar cultura do país com tratamentos que incorporam influências internacionais.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Com 26 anos, a Teresa Perez é especialista em criar roteiros especializados. Os programas são preparados de acordo com os interesses de cada casal. Telefones (11) 3799-4000 | (11) 3390-9000 | (61) 3217-2300.