Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

O novo formato da cerimônia de casamento

Por  |  0 Comentários


No mundo dos casamentos, muitas mudanças acontecem a cada ano. Novos itens são acrescidos às listas de necessidades importantíssimas para um casamento inesquecível, uma variedade sem número de doces surge e deixam todos os noivos desesperados com seus sabores e beleza, sem falar nas forminhas, no bolo, nas variadas estações, novidades no cardápio, atrações musicais, animações impensáveis há alguns anos, decorações, nova paleta de cores e mobiliários deslumbrantes, saídos dos filmes.

Neste cenário de constante evolução e mudanças permanentes, surge o novo formato das cerimônias, que vem despontando e se tornando um momento super esperado pelos noivos e convidados, diferente de como era no passado, quando todos desejavam a mesma coisa, ou seja, que fosse breve e todos pudessem ir logo para a festa.

Nos dias de hoje, as cerimônias têm destaque especial na organização do casamento. Elas são desenvolvidas de forma personalizada, de acordo com cada casal. Não se aceita mais aquelas cerimônias impessoais, com o mesmo formato para todos, sem qualquer intimidade com os noivos. Isso é passado.

O que os noivos buscam hoje, e nós oferecemos a eles, é uma cerimônia com sua identidade. Onde contaremos aos convidados sua história de amor, com leveza, bom humor na medida certa e muita emoção.

Cada casal tem uma história única, e como tal ela deve ser tratada. Cuidadosamente ouvida e lindamente escrita pela Celebrante, para que seja eternizada em suas memórias, na memória de seus convidados, no vídeo e nas fotos que registrarão toda emoção e felicidade daquele momento.

Para que isso seja possível, é fundamental que haja uma conexão entre os noivos e a Celebrante. Precisa haver uma empatia, uma troca de energia, uma identificação, caso isso não aconteça, acredite, o resultado não será o esperado.

Mas Denise, eu preciso criar laços de amizade e afeto com minha Celebrante? Afinal de contas são tantos fornecedores que contratei para meu casamento, e nem os conheço pessoalmente. E a celebrante é mais um desses fornecedores.

Sim, você precisa de uma conexão forte e agradável com sua Celebrante. Muitas vezes vocês se encontrarão pela primeira vez faltando mais de um ano para o casamento e depois disso começarão a se falar por whatsapp, por vídeo chamadas, ela vai perguntar tudo sobre a história de vocês, vai acompanhar feliz cada novidade que vocês contarem sobre o casamento, o apartamento, a viagem que estão planejando para a lua de mel, e no dia do casamento, cada uma dessas informações fará parte da história que será contada. E o resultado será maravilhoso.

Foto Peônia Cinema

Se essa conexão, empatia, energia não acontecer, sugiro que você repense. Pois o resultado será diferente do que você esperava.

Certamente vocês já devem ter assistido várias cerimônias de casamento, não é mesmo? E qual foi a mais bonita, alegre e interessante? Será que não ficou nítida a cumplicidade da Celebrante com o casal? E como vocês acham que isso aconteceu?

Aconteceu desta forma porque quando nos envolvemos de verdade com nossos noivos conseguimos entender e aprender com suas histórias. São grandes lições de coragem, determinação, perseverança e principalmente, de Amor.

Quantas escolhas são feitas, quantas verdades absolutas são desconstruídas, quantos projetos são sonhados e alcançados por cada casal.

São tantas lições de vida que emocionam e tocam nossas vidas de maneira especial. A felicidade de fazer parte destas histórias e ajudar a escrever o começo dessa nova vida de cada casal nos torna sempre pessoas melhores.

E você? Já decidiu sobre como será a sua cerimônia de casamento? Quer conversar mais sobre isso? Fico esperando seus comentários, vou adorar responder suas dúvidas.

Foto Marco e Mauricio Fotografia

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Ela é apaixonada por casamentos. Adora compartilhar as histórias de amor que conta e encanta. Sua formação em direito e os muitos anos de exercício do magistério superior consolidaram sua forma de se expressar, e como ela costuma dizer, seu maior legado é a Palavra. Escrever e falar sobre o amor é sua vocação, com muita emoção, sempre!