Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

O som parou, e agora?

Por  |  0 Comentários


Cuidado para o sonho não virar pesadelo! Nenhuma atenção é demais quando o assunto é o equipamento do DJ

Você já deve ter sonhado diversas vezes com a sua festa de casamento, mas alguma vez foi com a festa acabando porque o som pifou? Parece brincadeira, mas não é! Assim como o seu carro, um avião ou um trem podem quebrar o mesmo vale para um aparelho de som. É sempre bom lembrar que máquinas e produtos eletrônicos sempre podem quebrar.

Nos últimos anos, a profissão de DJ ganhou destaque e muita gente passou a trabalhar por hobby, para não chamar de “bico”. Ganhar um “extra” no final de semana virou uma necessidade para muitos – reflexo da crise que tomou conta do país e mudou o perfil de muitos profissionais do mercado de casamentos. Ou melhor, de muitos fornecedores porque existe uma enorme diferença entre amadores e profissionais.

equipamento-dj-profissional-gif

Como já citei anteriormente, alguns DJs passaram a cobrar pelo aluguel do equipamento de som, que muitas vezes já é do próprio DJ. Algumas casas de festas também correram atrás de maneiras para lucrar mais e passaram a obrigar o cliente, e também o DJ contratado, a usar o equipamento de som existente no local. Isso é uma venda casada, uma prática abusiva que é crime! Eu adoraria saber por que nenhuma casa de festa obriga um fotógrafo a usar suas câmeras, flashes e cartões de memória, bufês utilizarem bebidas e garçons do espaço, flores e iluminação para o decorador ou ainda impor um time de recepcionistas para o cerimonial. Por que será?

Eu vou além. O que acontece quando um profissional investe muito dinheiro para ter um equipamento de ponta e é obrigado a usar um equipamento de qualidade inferior? E para encerrar, o que acontece quando esse equipamento de som para de funcionar no meio da festa? Eu já passei por duas situações assim e nunca mais pretendo repetir a experiência. É desesperador. Sendo responsável ou não, a culpa de qualquer problema com o som da festa será sempre do DJ. O resto é historinha.

equipamento-dj-andre-werneck-gif

Portanto, antes de fechar contrato com a seu local preferido para a realização da sua festa, leia atentamente o contrato e fique atenta a esta nova modalidade do mercado. De preferência, consulte o seu cerimonial/produtor antes de assinar qualquer contrato para a sua festa. Tome todos os cuidados para não transformar o seu sonho em pesadelo.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

DJ expert há 30 anos e pai de três filhos, ele dividiu sua experiência no livro Histórias Inesquecíveis de Casamentos, onde conta casos inacreditáveis e prova todo seu profissionalismo. Respira música e mistura seu feeling com arte, já que é formado em Design e pós-graduado em Marketing. Suas maiores paixões? Filhos e música. Adora scuba diving!