Casamento rústico-chique: Sylvia & Augusto

Por  |  0 Comentários


Data 23 de julho de 2016
Cerimônia Capela do Colégio Nossa Senhora de Sion Recepção Tivoli Mofarrej

Um casamento rústico-chique em meio a um verde e branco complementado por móveis de madeira e um paisagismo de tirar o fôlego. Veja!

Essa história não tem nada de diferente: nenhum encontro inesperado, nenhum pedido brilhante ou impressionante, nada de viagens ou balões. Mas, o amor (em todas as formas) nunca faltou. Sylvia Aranha, 34, e Augusto Cunha Haddad, 35, se conheceram na residência médica e, inicialmente, eram apenas colegas de trabalho – mas nada que não mudasse com o tempo. Afinal, a vida deu um giro de 180º em um evento social, quando seus olhares se modificaram e, como em um click, se tornaram, um aos olhos do outro, incrivelmente (mais) interessantes.

Então, assim como o trecho “you step a little closer each day, so close that I can’t see what’s going on”, a canção que juntos chamam de nossa, veio o primeiro encontro, beijo e a certeza de que estavam prontos para assumir o namoro. Esse que, entre idas e vindas, durou seis anos e meio. E só mudou (para a melhor!) quando ele apareceu com um buquê com 70 rosas vermelhas – cada uma correspondendo aos meses que passaram juntos – e um solitário no meio. Naquele momento, perceberam que nunca deixariam de se amar. “Ainda olho para ele com mesmo olhar apaixonado e ele o mesmo, e espero que isso dure para sempre. Lógico, as coisas mudam com o tempo, mas espero que o amor e o respeito permaneçam sempre entre nós”, finaliza a mulher mais feliz do mundo.

HIGHLIGHTS

  • Sem fugir à regra: para o grande dia, Guto (como é conhecido pelos íntimos) investiu em uma combinação assinada por Ricardo Almeida que não tem erro: terno e colete azul escuro, finalizados por camisa, gravata borboleta e flor de lapela brancas. Já Sylvia surgiu linda, sob os cliques de Anna Quast e Ricky Arruda Fotografia, em um modelo tradicionalíssimo, todo em renda floral e aplicação de minipérolas, com direito a decote ombro a ombro (e outro generoso no busto), mangas longas em tule ilusion e saia semisseria
  • Verde e branco repaginado: apesar da combinação entre duas cores clássicas ditar o tom da cerimônia e da festa, foi o rústico-chique o carro-chefe da decoração. Na igreja, um caminho de buquês em formato de cascata, intercalado a velas de dois tamanhos distintos, levava até o tradicional altar. Para a festa, os decoradores seguiram a mesma ideia, adicionando ao projeto toques de madeira escura, proveniente dos móveis, e um paisagismo impecável, composto não só por uma combinação de muro inglês e jardim suspenso (ambos de orquídeas), como também de arranjos de flores brancas de várias espécies – principalmente  tulipas, rosas e outras da estação – e árvores bem verdinhas como centro de mesa 

DESTAQUES

Participação (mais do que) especial: o sonho da avó de Sylvia era vê-la casar (já que era sua única neta) e, como uma forma de gratidão por ter ajudado a criá-la, a noiva a convidou para entrar com as alianças. Apesar dos obstáculos – três dias antes do casamento sofreu um AVC –, a senhora se manteve forte e, no momento certo, emocionou a igreja inteira caminhando rumo ao altar sob os acordes da música Ave Maria –  que também foi um pedido dela. “Para sempre lembrarei da cena dela entrando na igreja e nos entregando as alianças, e feliz, porque sei que eu e o Guto conseguimos trazer essa alegria e felicidade para ela, e de certa forma completá-la”

O up da festa: a glicose da festa foi garantida por um carrinho de churros e também bandejas que passearam o tempo todo pela pista de dança, trazendo balas, chicletes e doces que marcaram a infância do casal

Recordações do grande dia: além dos tradicionais , os convidados ganharam como lembrança do casório lágrimas de alegria, dragées, chinelos e garrafinhas de água, ambos customizados pela Papel & Estilo

 

♥ DICA DA NOIVA

“Aproveite cada segundo! Tire menos fotos protocolares e fique mais na sua festa, as fotos espontâneas são sempre as melhores”


Leia mais

+ Descubra qual é a cor certa para o seu casamento

bg-divisoria

Entenda o papel de uma chapelaria!

bg-divisoria

+ Confira nossa seleção de décor rústico-chique


+ DO CASAMENTO: GRATIDÃO DOS NOIVOS

“Anna e Ricky, não tenho dúvidas que escolhi os melhores para esse momento! Obrigada pela paciência e por buscarem a todo minuto os melhores ângulos e momentos para eternizar. Obrigada por ficarem com a gente, e Anna, obrigada por “cuidar” da noiva doida e louca. Foi muito bom dividir esse momento com vocês!”

O que achou desse casamento rústico-chique?

IC’ Serviços

fotos Anna Quast e Ricky Arruda Fotografia  |  filmagem Vinicius Credidio  |  convites e lembranças Papel & Estilo  |  caligrafia Marinez Friedmann  |  decoração da cerimônia e da recepção, flores, velas, móveis, sousplats, toalhas, toldos, forrações, fechamento, paisagismo, porta-guardanapos, forminha dos doces e buquê Perfect Flower  |  louça, prataria, pista de dança, bufê, bolo, openbar, segurança e noite de núpcias Tivoli Mofarrej  |  músicos da cerimônia Coral Bevilacqua  |  músicos da recepção e dj Ranulpho  |  som Banda Feels e Produtora TABA  |  atração especial Banda Feels  |  coreografia Estúdio Anacã  |  iluminação e telão Produtora TABA  |  doces Ju Viana Ateliê de Doces e Danielle Andrade  |  bem-casados   |  cabelo, maquiagem e dia da noiva Exclusivitá Noivas  |  vestido e véu da noiva Lucas Anderi  |  grinalda Alessandra Cazzaro  |  joias Rosana Negrão  |  alianças Dryzun  |  sapatos da noiva Schutz  |  roupa do noivo Ricardo Almeida  |  sapatos do noivo LOUIE  |  manobrista MA Park System e Tivoli Mofarrej  |  lua de mel Polinesia Francesa e Chile  |  agência de turismo Nix Travel (Ana Lúcia)

Conhece nosso Guia de Fornecedores? Veja quem são os profissionais mais indicados pela Inesquecível Casamento e acerte na escolha!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Uma sagitariana que tem a alegria como dom. É carioca, jornalista, tem 20 poucos anos e adora ser chamada de Duda. Como uma amante incurável de sorrisos e amores, espera que seu grande dia seja repleto deles. E que, assim como ela, você se torne uma multiplicadora fiel dessa dupla!