Baixe
aqui
seu
E-BOOK
x

Lua de mel em Bariloche

Por  |  0 Comentários


Lua de mel em Bariloche pode ser uma experiência emocionante e, ao mesmo tempo, super-romântica. Saiba mais informações com as dicas da

A ideia de vocês é ver neve sem sair das mediações da América do Sul? Acredite na aposta da : uma lua de mel em Bariloche pode exatamente o que vocês sonham. Com o objetivo de mudar o modo como as pessoas viajam – oferecendo aos casais um atendimento personalizado e de total qualidade –, a empresa garante que o destino conquista pelo paradoxo: ao mesmo tem em que oferece deslumbrantes paisagens com clima de montanha, também proporciona uma experiência típica de cidade grande: rica gastronomia e agitada vida noturna – inclua aqui restaurantes tradicionalíssimos, cafés, bares, casas noturnas e até cassinos.

Partindo de São Paulo, são contadas quatro horas e meia de avião até chegar na porta de entrada da belíssima Patagônia Argentina: a cidade de San Carlos de Bariloche. Ela está localizada na fronteira sudeste do Lago Nahuel Huapi, dentro do Parque Nacional de mesmo nome, na província de Rio Negro, e oferece alternativas tanto para noivos que buscam o turismo convencional, quanto para o de aventura, com diversas opções para todas as estações. No inverno, os morros branquinhos abrem espaço para atividades que vão do esqui ao salto parapente. Já no verão, o verde das montanhas é um chamariz para atividades como pesca e cavalgadas.

Lua de mel em Bariloche - Fotos Reprodução Internet

A bela arquitetura e geografia acidentada, segundo Katiuscia Pina – à frente da  –, garantem que Bariloche seja igualmente romântica e badalada. Como boa e típica cidade da Argentina, oferece gastronomia local ímpar: é rica em frutos do mar, peças de carnes (com tradicionais cortes argentinos), vinhos e muitas opções quando o assunto é o delicioso chocolate. Para casais que curtem vida noturna, é possível também encontrar bares, espetáculos, casas de show e até cassinos.

Um destino a dois que, para os que curtem, tem o caráter aventureiro sem deixar de lado o romantismo necessário para uma lua de mel. Vale a visita!

10 PASSEIOS PARA A LUA DE MEL EM BARILOCHE

1. Circuito Chico

City tour básico pelos principais pontos turísticos da cidade.

Lua de mel em Bariloche - Fotos Reprodução Internet

2.Cerro Campanário

Uma subida de aerosilla – um tipo de teleférico de cadeira –, com vista para a Ilha Vitória, montanhas nevadas, florestas de pinheiros, lagos e a Ilha Vitória.

3. Cerro Otto

Além de chegar à cafeteria giratória de teleférico, vocês também podem visitar uma galeria de arte que apresenta réplicas de esculturas de famosos artistas. Em Piedras Blancas, uma aventura radical: esqui-nórdico, que deixa os pés livres, e até uma viagem de de trenós puxados por huskies siberianos.

4. Cerro Tronador

Quase quatro mil metros na mais alta montanha de neve da cidade vale o passeio, hein? Mas atenção:  no inverno, o acesso pode estar fechado pela neve.

Lua de mel em Bariloche - Fotos Reprodução Internet

5. Isla Victoria e Bosque de Arrayanes

Passeio de catamarã pelo Lago Nahuel Huapi até Puerto Anchorena, perto do bosque.

6. Museo da Patagônia Francisco P. Moreno

O museu apresenta uma genuína aula sobre os ecossistemas.

7. Parque Nacional Nahuel Huapi

Como Bariloche está dentro dele, há muitas opções do que fazer: pescar nos lagos (só é liberada no verão e com licença requerida), passear no cerro tronador (listamos ali no número 4), e fazer excursões para Isla Vicotria e Puerto Bles.

8. Rafting

Esporte radical no Rio Manso, entre bosques, cânions e vales de formação glacial.

9. Travessia dos Lagos Andinos

Valeu o passeio: peguem um barco em Puerto Pañuelo e façam um cruzeiro até Puerto Montt ou Puerto Varas. Como tem duração de mais de 10 horas, é recomendado voltar de ônibus.

ATENÇÃO: no inverno, o passeio é de no mínimo dois dias (ida e volta).

10. Villa La Angostura

Próprio para iniciantes que amam esportes, o centro de esqui de Villa La Angostura é menos íngreme e tem neve mais constante que Cerro Catedral. Há programas alternativos, inclusive no verão, como trekking, mountain bike e cavalgadas.

Lua de mel em Bariloche - Fotos Reprodução Internet

E aí, preparados para a lua de mel em Bariloche? Conta pra gente nos comentários o que acharam!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Uma sagitariana que tem a alegria como dom. É carioca, jornalista, tem 20 poucos anos e adora ser chamada de Duda. Como uma amante incurável de sorrisos e amores, espera que seu grande dia seja repleto deles. E que, assim como ela, você se torne uma multiplicadora fiel dessa dupla!