Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

Os highlights do Teatro IC na Mostra IC Niterói 2018

Por  |  0 Comentários


Separamos tudo de melhor que rolou no Teatro IC nesse fim de semana para quem não pode ir e quer se informar e para quem esteve lá e gostaria de relembrar cada momento

Uma das maiores vantagens de marcar presença nos eventos da Inesquecível Casamento é garantir imersão total no mundo wedding e ouvir, pessoalmente, dicas dos top fornecedores do mercado. Nesse fim de semana, na Mostra IC Niterói 2018, não poderia ser diferente. Convocamos ao Jardins Independência referências de diferentes segmentos para ensinar às noivas tudo que elas precisam para subir ao altar em grande estilo. Tanto no sábado como domingo acompanhamos de pertinho os ensinamentos dos profissionais e a troca entre eles e as noivas. É claro que não deixaríamos de registrar no nosso site os melhores momentos da parte mais interativa e informativa do evento. Pronta para tirar suas dúvidas? Vem com a gente!

MODA E BELEZA: STEPHANIE CACHAPUZ, SONIA ANDRADELIMA E EDUARDO E CÉSAR FERREIRA PINTO

De um lado, Stephanie Cachapuz e Sonia Andradelima, figurinhas carimbadas em nosso site e em nossas revistas, de outro, Eduardo Ferreira Pinto, estreantes. A mesa redonda visava discutir o papel do vestido, dos acessórios e da estética, respectivamente, atuando em conjunto na beleza da noiva.

Os dentistas ressaltaram o papel de um belo sorriso para a autoestima da noiva ao ver as fotos. Para eles a estética nesse caso representa também a saúde, afinal, é fundamental que a noiva se sinta bem consigo mesma no grande dia. Quando uma delas os procura, passa por uma entrevista para saber sobre o casamento para traçar o que é melhor para cada caso, o que às vezes supera suas as expectativas iniciais. “Hoje, com a tecnologia, é fácil chegar com referências, mas as vezes eu mostro o que acho melhor e ela se espanta, nunca achou que fosse gostar daquilo. O visagismo é muito importante para fazer a harmonia de uma noiva”, explicaram. Eles também indicaram tratamentos como clareamento dentário ou até mesmo lentes de contato para melhorar o sorriso. As lentes possuem fluxo digital e planejamento para o tratamento. É feito um test-drive das lentes de contato e a paciente consegue interagir durante a festa normalmente.

Já a fala da estilista foi focada em como encontrar o modelo ideal para você. É comum as noivas já terem um dream dress desde crianças porém, é necessário se abrir para o que funciona para o seu biotipo e para o casamento. Stephanie recomenda cerca de 6 meses e 7 provas para construir o vestido ideal sob medida. É um período intenso de trocas entre a noiva e a estilista para entender e acrescentar todos os detalhes necessários para que o sonho saia do papel. “Eu falo que sou o advogado do diabo e falo o que não vai ficar bom e o que vai. Acho que a noiva precisa disso, um apoio, uma segurança, alguém que vai criar e assessorar no momento dela, na beleza”, ressaltou. É por isso que ela não deixa passar nenhuma oportunidade de orientar a noiva na escolha de todos os componentes do look, afinal, tudo precisa seguir um único conceito.

Mostra IC Niterói 2018: moda e beleza - Foto: Aszmann

Passando para os acessórios, foi a vez de Sonia Andradelima compartilhar sua expertise. Depois de um curso de conformação do rosto, ficou ainda mais fácil para ela definir o que se enquadra melhor para cada noiva e então sugerir os acessórios para compor o look. De acordo com o formato da face de cada uma é possível unir o cabelo e a tiara para realçar suas feições, sem esquecer de estabelecer uma harmonia na produção com um todo.

Querem um exemplo?

  • Para casamentos na praia: Muitas pessoas não ficam bem com flor, dependendo do rosto, a flor sai um pouco do rosto da pessoa. Eu prefiro pérola e fica muito chique, mesmo sem brilho” (Sonia Andradelima)
  • Noiva pé na areia: decote, fluido, clean. Pense onde vai ser a cerimônia pois a areia pode manchar o vestido dependendo do material. Tome cuidados com rendas. (Stephanie Cachapuz)
  • No Jardins Independência: existem várias propostas no mesmo local. Cabe uma noiva super fluida, com visual de casamento no campo, mas ao mesmo tempo também funciona um look mais clássico, pois dependendo da montagem do cenário, é possível criar um ambiente tradicional.

Mostra IC Niterói 2018: mesa redando moda e beleza - Foto: AszmannCOMO ESCOLHER O MENU DA FESTA? – RAPPANUI GASTRONOMIA

O casal Margareth Rocha e Ricardo Pires, donos da Rappanui Gastonomia, já começaram o talk-show ressaltando a confiança necessária para a contratação de um bufê de qualidade. Ao pensar no melhor para a sua festa, o bufê deve sugerir pratos que agradem os seus convidados. De nada adianta montar um cardápio que eles não irão gostar, combinado? Ser um bom anfitrião incluir fazer escolhas que priorizem não só o que vocês acham que é delicioso, é necessário pensar como um todo. Isso inclui pensar em restrições alimentares como intolerância ao glúten e veganismo. É aí que entra o bufê, para sugerir pratos de acordo com o perfil dos seus convidados, da festa e da época do ano.

Mostra IC Niterói 2018: Rappanui Gastronomia - Foto: AszmannExistem dois tipos de serviço: a finger food e bufê estacionado. Ambos funcionam para momentos diferentes da festa e a recomendação é que sejam contratados em conjunto. Para que o cronograma do evento seja perfeito, cada tipo de serviço entra em cena em momentos diferentes. Veja abaixo:

  • Início do evento: serviço de frios seguido dos quentes
  • 30 min de festa: início das mini porções (finger food)

#FICAADICA: é necessário acalmar a fome dos convidados. Deve-se considerar o tempo que os convidados passaram sem comer, considerando arrumação, deslocamento e cerimônia. Outro ponto negativo é que as pessoas começam a beber de estômago vazio e pode subir muito o nível alcoólico e fazer com que deixem de aproveitar tanto a festa.

  • 1h 30min de festa: Abertura do ponto fixo

É importante lembrar que caso algum convidado queira comer novamente algum prato que já tenha sido servido, é de praxe na Rappanui ter uma reserva de todos os pratos caso sejam pedidos de novo.

O dois também deram dicas infalíveis do que servir de acordo com a época do ano. Para eles, o que mais funciona na primavera e verão são saladas, canapés frios, frutas de época e mousses salgadas. Já no outono e inverno, a boa pedida é servir caldos e comidas mais quentes e encorpadas.

Porém, como no Rio de Janeiro é comum fazer calor em diferentes estações, a Rappanui tem um prazo de precaução para o fechamento do cardápio. Uma semana antes a previsão do tempo é que vai ser definitiva para que os chefs possam bater o martelo no que será servido, para que se adeque ao clima e a experiência gastronômica seja perfeita.

Mostra IC Niterói 2018: Talk-show sobre bufê com Rappanui Gastronomia - Foto: AszmannCRONOGRAMA DO CASAMENTO: CLAUTIO TIRONI

Vai casar e não sabe nem por onde começar? Então essa é para você! O cerimonialista deu o passo a passo da organização do casamento no Teatro IC e encantou as noivas. Primeiro de tudo: o cerimonialista deve ser sua primeira contratação. No quesito valor, ele acredita que o cerimonialista deve ser escolhido pelo valor que te cobra e sim pelo que pode fazer pelo seu casamento.

Depois da escolha é a hora da primeira reunião. É nesse momento que Claudio traça os itens fundamentais para a logística, como o tamanho da festa (para definir a casa de festas) e se a cerimônia e recepção serão no mesmo lugar, pensando no deslocamento.A partir daí, tem início as várias etapas que o cerimonialista estipula para o cronograma até o grande dia.

  • Primeira etapa: contratar os fornecedores que precisam estar fisicamente no dia do seu casamento, como orquestra, celebrante, dj, fotógrafo, equipe de vídeo, cabeleireiro e maquiador.
  • Segunda etapa: fechar contratos grandes que possam comprometer o seu orçamento, como vestido, bufê e decoração
  • Terceira etapa: atração especial
  • Quarta etapa: doces, brownies e bolo
  • Quinta etapa: decoração da igreja

#FICAADICA: Aposte no branco, pois é muito mais fácil de conciliar com o gosto de outra noiva que vá casa no mesmo dia e precise usar a mesma decoração

  • Sexta etapa: Lua de mel
  • Sétima etapa: toldos e bebidas alcoólicas. Os toldos estão nessa fase porque representam um plano B e que nenhuma noiva gosta de pensar que serão usados. Já as bebidas, porque é muito comum os casais irem comprando aos poucos no exterior durante os preparativos. A única bebida indicada para ser fechada antes são os espumantes, por conta do contrato de consignação.
  • Oitava etapa: alinhamento final do casamento. Nas últimas reuniões é feito todo o cronograma de horários do grande dia.
  • Última etapa: Chegou a semana do seu casamento! É a hora de cuidar de vocês, escrever seus votos e relaxar. No dia da festa, nada de ligar para o cerimonialista para saber se está tudo certo com a decoração ou qualquer outro serviço. É papel do profissional cuidar de tudo e fazer com que todo e qualquer imprevisto seja contornado.

Mostra IC Niterói 2018:  - Foto: AszmannTALK-SHOW SOBRE VESTIDO DE NOIVA: CAROL HUNGRIA

Veterana no Teatro IC, Carol Hungria aproveitou a mostra Niterói para conduzir noivas que estão perdidas na escolha do vestido e explicar como funciona o atendimento em seu atelier, no Rio e em São Paulo.

Se você ainda não sentiu o famoso frio na barriga ao provar algum modelo, não se preocupe! Para Carol isso nem sempre significa sinal vermelho. É necessário organizar suas ideias, revisitá-las, rever os prints para lembrar porque escolheu o vestido e experimentar caso ache necessário para conhecer o seu corpo e o que te cai melhor. Para isso, é necessário conversar com um profissional para entender seus gostos e não te deixar se perder em meio às referências.

Se você pensa em escolher a própria Carol como sua estilista, o atendimento começa com uma conversa onde ela traça pontos importantes para saber em que direção todo o processo irá seguir. Pode parecer fácil de desvendar a noiva, mas nem sempre a pessoa que elas são no dia-a-dia é aquela que querem ser em seu casamento. Acontece de ter um perfil e querer ser outra pessoa no dia do casamento, é o sonho dela vestir o papel no dia. Não estou dizendo se fantasiar de noiva, mas assumir uma postura que não é no dia-a-dia. Gosto de entender o local, o horário, a data, a época do ano, com o que ela trabalha, o relacionamento… isso vai me ajudando a construir a ideia do vestido dos sonhos”, explicou.

Mostra IC Niterói 2018: Carol Hungria - Foto: AszmannOk.. Mas como? Acima de tudo, entenda que é uma questão de de alinhar suas expectativas ao que funciona melhor para você. Ficou curiosa? Veja as dicas:

  • Para as baixinhas: silhuetas que alongam, nada de cortes horizontais para não cortar você no meio. Silhuetas evasê são super indicadas. Princesa, às vezes, pode engolir e sereia (semissereia) pode diminuir e ficar mignon demais.
  • Cheinhas: decote “V” e modelos que alongam, sem recortes horizontais
  • Corpo quadrado: modelos que alongam e forçam a cintura com cinto ou bordado, corpete, renda que faça sensação mais marcada
  • Quadril grande: o que mais funciona é a saia evasê para disfarçar. Semi sereia bem estruturado também disfarça
  • Busto grande: não usar decotes fechados que tendem a aumentar o busto. Fazer algo mais decotado com cuidado para não deixar exposto demais. Invista em um tomara que caia com transparência para deixar o busto menor.
  • Braço grande: Mangas! Porém cuidado com as três quartos, pois engrossa mais do que a longa. Para quem não quer mangas, pense em uma mais curtinha ou gola drapeada
  • Ombro largo: ombro a ombro não. Decote “V” funciona, canoa também! Cuidado com mangas que tenham volume

Decidida a silhueta, é preciso pensar nos detalhes do vestido e, para isso, é imprescindível considerar onde e quando será realizado o casamento. Para festas de dia evite brilhos. Aposte em vestidos mais fluidos, com renda ou mistura de rendas, transparências e fundo nude. Se você vai casar no fim da tarde, o brilho já pode ser inserido. Agora se você vai subir ao altar durante a noite, está liberado o uso de todos os materiais sem pesar no look.

Para encerrar, como toda noiva ama falar sobre o que está em alta, Carol também compartilhou sua expertise com as tendências de 2018. São elas:

  • Fundo nude e mistura de rendas e estampas
  • Vestido texturizado bordado com muito brilho, sem tantas pérolas. Mistura de tule xadrez, tule poazinho e brilho.
  • Bordado texturizado
  • Rendas arabescadas
  • Flores 3D
  • Vestido liso
  • Semissereia
  • Vestidos princesa bem estruturados com manga longa em zibeline ou renda
  • Transparência na pele (com moderação!)
  • Punhos flaires com decote profundo nas costas – para vestidos mais secos
  • Vestidos de alcinha

Ah, a estilista também desenhou ao vivo um croqui com seu tablet para uma noiva sortuda da plateia, escolhida porque era a mais próxima de subir ao altar e ainda não tinha um vestido. Veja só:

Mostra IC Niterói 2018: Carol Hungria faz croqui ao vivo - Foto: AszmannTALK-SHOW SOBRE FOTO E VÍDEO : ALEXANDRE RECHTMAN E ANTONIO BIÊR

O fotógrafo Alexandre Rechtman e o videomaker Antonio Biêr se reuniram no Teatro IC com um objetivo em comum: tratar sobre os aspectos mais importantes do registro do casamento e tirar todas as dúvidas das noivas sobre o assunto.

Primeiro de tudo, para eles os dois serviços devem ter harmonia entre si. É importante que as duas empresas tenham uma conexão boa, mesmo que seus integrantes não se conheçam.

Chegado o dia do casamento, o primeiro registro feito é o do making of. É importante se preocupar com local. A beleza, o tamanho e a iluminação são fundamentais para uma boa foto. Outro ponto a ser considerado é o número de pessoas que a noiva deve levar. Nada de colocar muita gente em um espaço pequeno para não prejudicar o trabalho do fotógrafo.

Mostra IC Niterói 2018: Alexandre Rechtman e Antonio Biêr- Foto: Aszmann #FICAADICA Pense no uniforme como um todo. Pense no que o maquiador e outros profissionais do making of vão usar para não dar contraste nas imagens. As equipes devem se misturar aos convidados. Não devem ir de preto, por exemplo, para um casamento na praia

O próximo passo é a cerimônia, onde a atuação do cerimonialista é imprescindível para que esteja tudo em ordem. Para o vídeo, a escolha do celebrante é importantíssima, por precisa ser alguém que consiga transmitir a história dos noivos, por isso muitas vezes os escolhidos são amigos ou familiares. Outro ponto importante é saber que horas o sol vai se pôr para ajudar nos registros.

Já na festa, a palavra de ordem para os noivos é diversão! Isso que irá garantir belos cliques e um ótimo vídeo. Anteriormente deve ser pensado tudo que não pode deixar de ser registrado no seu casamento para que seja feito. Ambos os profissionais também costumam pedir uma ficha técnica do evento para que vejam os outros fornecedores com que irão trabalhar.

Como sabemos que a foto e filmagem do casamento não precisa se resumir ao grande dia em si, os profissionais falaram um pouco sobre os diferentes tipos de ensaio. Para eles, o pré-wedding é importante pela memória e experiência, e também para que já seja criado um vínculo entre o profissional e o cliente. Além disso, o material pode ser usado para o save the date ou para a própria decoração do casamento. Já o pós-wedding vem para fechar com chave de ouro esse processo maravilhoso que é feito, principalmente, para alimentar suas memórias.

Mostra IC Niterói 2018: foto e vídeo- Foto: AszmannBATE-PAPO SOBRE PRODUÇÃO E CERIMÔNIA DE CASAMENTO: CLAUDIO TIRONI, SORELLE BORSARI, MARIA DE LOURDES CUNHA, CECÍLIA VASCONCELOS E DENISE NARETTI

Cinco profissionais competentes e um objetivo em comum: debater sobre a produção e cerimônia de casamento, cada um com sua perspectiva seja de cerimonial, decoração e celebrante.

O bate-papo começou com contando um caso desesperador que aconteceu fruto do despreparo de uma empresa que não tinha seu aval e lembrou aos presentes que não ganha comissão por indicar algum profissional, apenas a tranquilidade de que tudo dará certo.

“Uma vez eu produzi uma festa em que o gazebo que ficava sobre a mesa de doces caiu duas horas antes da cerimônia quando a mesa já estava toda pronta. Liguei para os meus amigos fornecedores e consegui deixar tudo pronto antes que a festa começasse e ninguém percebeu. Mas desde aquele dia aprendi que não posso permitir que que seja contratada uma empresa de estrutura que não tenha  o meu aval”, explicou.

Emendando na fala de Claudio, a também cerimonialista Maria de Lourdes Cunha lembrou a riqueza do mercado e a disponibilidade de materiais. Com isso, é mais do que possível que se faça um bom trabalho e que os noivos tenham em seu casamento itens que estão super em alta.

Falando de tendências, é difícil não pensar nas referências da internet trazidas pelas noivas. Segundo Sorelle Borsari, é normal que elas as busquem, no entanto, é bem difícil que essas inspirações façam que todo o conceito seja mudado. Normalmente servem para dar um upgrade, fazer mudanças suaves, como um lustre, por exemplo. Para Cecília Vasconcelos, essas mesmas referências também são importantes quando o profissional está moldado a decoração na primeira reunião, pois a partir daí é mais fácil definir qual caminho tomar. Para ela, durante o processo de construção do décor o orçamento pode assustar pelo custo das flores, que são os itens mais caros, mas também é um dos itens que mais enriquece as festas e a decoração.

Mudando um pouco de assunto e falando sobre a cerimônia, a celebrante Denise Narreti começou falando sobre a primeira reunião com os noivos, onde ela pede para ouvir toda a história deles. Depois eles respondem algumas perguntas que ela envia por e-mail para assim ter a visão de cada um deles sobre a história. Posteriormente é feita uma ou duas reuniões de acordo com a necessidade. Todo esse processo é fundamental para que ela possa captar a essência do casal e montar uma cerimônia humanizada, com muito mais da história deles e menos dogma.

Levando em conta que esse é um dos momentos mais especiais da vida de vocês, a lista de convidados deve ser feita com muito critério. Sobre isso, lembrou de uma questão delicada, quando os pais dos noivos querem convidar amigos deles que o casal não tem intimidade ou sequer conhecem. É aí que o cerimonialista entra em cena. “Quando os pais querem ter mais convidados que os próprios noivos na primeira reunião já tento explicar para eles que é muito desconfortável para os noivos comprimetarem pessoas que eles não conhecem na festa. O ideal é que chamem apenas pessoas que os noivos conheçam”, ressaltou.

#FICAADICA: estipule um número limite de convidados para os pais da noiva e do noivo.

Tendo isso em mente, a escolha do local da festa deve ser pensada de acordo com o tamanho da lista de convidados. Segundo Cecília Vasconcelos, o número que os espaços costumam fornecer nem sempre está correto, pois o cálculo deles não costuma levar em consideração o espaço ocupado pelo mobiliário, mesa e circulação de pessoas, por exemplo. É aí que entra a indicação profissional de um local que possa comportar seus convidados e ainda tenha a ver com a proposta do seu casamento.

Nesse ponto, para Maria de Lourdes Cunha, o projeto da decoração é importantíssimo, pois vai te dar as medidas exatas da festa. Assim, você pode planejar não só o layout dos móveis como a circulação dos convidados e serviço como buffet e bebida. Ele tem que ser levado muito a sério, pois o casamento não é como uma gravação de um capítulo de novela que pode ser repetido quantas vezes forem necessárias.

Já quando o assunto é a animação da festa, foi de comum acordo que os noivos são o termômetro da pista de dança. Para , isso também está associado à escolha de um bom dj. Para Maria de Lourdes Cunha, outro ponto importante é lembrar aos noivos que nem todo convidado vai até a pista de dança e que é necessário reservar um tempinho para falar com essas pessoas.

“Os noivos estarem na pista de dança é fundamental, mas também é importante que reservem um tempo para circular pelo salão porque há muitas pessoas que não vão até a pista de dança e que precisam ser cumprimentados, até porque muitos vêm de longe só para o casamento. Dar uma festa é como receber na sua casa, os convidados precisam receber sua atenção”, explicou.

Anotado? Veja também outras matérias que contam o que rolou por lá. Você não pode perder!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Canceriana que se apaixona facilmente por pessoas e lugares. Seu sobrenome não poderia descrever melhor o que a motiva. Romântica incurável por um acaso da astrologia, sonha desde criança com seu vestido de princesa, cerimônia no campo e o que o destino lhe reserva.