Vale a pena fazer discurso de agradecimento?

Por  |  0 Comentários


Está em dúvida sobre fazer ou não um discurso de agradecimento? Conversamos com três noivas inesquecíveis e a opinião delas você vê aqui!

Nas festas de casamento, há cada vez menos espaço para regras. A ideia é personalizar cada detalhe de acordo com o perfil dos noivos – e de seus convidados, é claro. Ainda assim, existem coisas que não podem faltar. O discurso de agradecimento é um desses protocolos sempre bem-vindos. Afinal, amigos e familiares se organizaram para fazer parte do momento e merecem um retorno. Pode ser que falar ao microfone te deixe nervoso, mas – garantimos – vale a pena! Quer saber dicas de quem já passou por isso?

#1 DE OLHO NO RELÓGIO…

“O nosso discurso aconteceu na pista de dança, assim que chegamos. Não escrevemos nada antes, só combinamos de falar algumas palavras. Agradecemos a presença de todos, porque são pessoas especiais que estavam fazendo parte do momento mais feliz de nossas vidas. No meu caso, quem falou foi o noivo. Eu só concluí, fazendo um agradecimento geral e chamando todos para nos dar um abraço e curtir a festa que tínhamos preparado. Meu marido fala bem em público, não teve nenhum problema. Eu fiquei um pouco nervosa, mas quando você percebe que todos estão lá por vocês, o mínimo é dizer belas palavras. Sai naturalmente! E, além disso, foi uma estratégia de ganhar tempo. As festas estão cada vez mais curtas e não queríamos ir de mesa em mesa, porque isso perde no mínimo uma hora. Achamos um jeito carinhoso e delicado de agradecer! Quando eles iam à pista, fazíamos questão de dar um abraço e beijo!” Isabela Fontes

Discurso de agradecimento - Foto Hugo Carneiro

#2 DIRETO AO PONTO!

“Fizemos um discurso bem rápido. Coisa de uns cinco minutos, no máximo, porque queríamos aproveitar bastante a festa. E, depois, quem queria nos cumprimentar veio até a pista de dança. A princípio só eu ia falar. Não tinha ensaiado nada, mas me preparei psicologicamente para o momento e já sabia mais ou menos o que eu queria dizer. Mas na hora foi muito espontâneo, deu tudo certo e o Pablo (noivo) resolveu falar também. Como nosso casamento foi em Belo Horizonte, nós moramos em Campinas e ele é do interior de Minas Gerais, havia muitos convidados de fora. Então também agradecemos a quem veio de outras cidades nos prestigiar.” Ana Clara Magalhães

Discurso de agradecimento - Foto Bruno Bastos

#3 DRIBLANDO A TIMIDEZ!

“Eu fiquei envergonhada, então quem falou foi o Jorge (noivo). Apostamos no tradicional: entramos no salão com uma música bem animada e logo fizemos o discurso. Ele agradeceu aos nossos pais, amigos e também às pessoas que se esforçaram para estar lá porque nos casamos em São Paulo e eu sou de Cuiabá. Então havia muitos familiares que vieram de longe. Pedimos que aproveitassem bastante a festa que tínhamos passado quase dois anos organizando, porque queríamos que tudo saísse perfeito e, afinal, era tudo para eles! Quando acabou, dançamos a valsa. No nosso caso, o discurso não impediu que fossemos de mesa em mesa para tentar cumprimentar o maior número de pessoas possível.” Josie Salomão Moreira

discurso-de-agradecimento-carinho-entre-os-noivos-foto-reproducao

Gostou das dicas sobre discurso de agradecimentoConfira aqui vídeos de inspiração + dicas de uma cerimonialista expert no assunto!


Créditos

1- Anderson Marcello  |  2- Hugo Carneiro  |  3- Bruno Bastos  |  4- Reprodução

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Nascida em Minas, criada em Recife e apaixonada pelo Rio. Viajar o mundo é seu sonho, o que torna luas de mel e destination weddings um caso de amor à parte. Escolheu o jornalismo pela inquietante vontade de transformar em palavras histórias que mereçam ser contadas.