Preparativos do casamento: o que você planejou que não deu certo?

Por  |  0 Comentários


A fase de preparativos do casamento é uma mistura de tudo: expectativas, ansiedades, medos e estresses. Entre mil planos, alguma coisa pode falhar! O que fazer para não que as noivas não fiquem frustradas e aproveitem  o grande dia de forma plena?

Não importa quantos itens você riscou na sua checklist até o dia do seu casamento. Imprevisibilidades fazem parte da vida! A gente luta para “amenizar” as margens de erro e driblar qualquer detalhe que saia do script do grande dia, mas – infelizmente! – não temos o controle de tudo. E só de pensar na palavra IMPREVISTO, as noivas ficam de cabelo em pé. Será que existe alguma solução para esse “pré-dilema”?

Pois é, boa pergunta. E sabe o que é angustiante? Não há uma resposta genérica que englobe todos os casos de eventualidades. Cada casamento é único – das alegrias aos imprevistos. Então, nossa ideia foi reunir um pequeno grupo de noivas que responderam à seguinte pergunta: o que eu planejei que não deu certo? Vale a pena conferir para que, juntos, aprendamos como prevenir erros graves no seu grande dia.

AS FLORES NÃO FICARAM COMO VOCÊ ESPERAVA…

Dos males, este é o menor. Uma coisa é você fechar que quer tulipas no seu casamento e se deparar com orquídeas quando entrar na igreja. Outra coisa é você pedir flores amarelas e se surpreender com arranjos vermelhos. Já pensou que pesadelo? Agora, se a arte floral não ficou com a combinação esperada, infelizmente, a noiva precisa superar. Não deixe que nada ofusque o seu grande dia!

Carolina Jacon passou por isso no seu destination wedding. Mas para ela, foi apenas um detalhe. “As flores na igreja não ficaram exatamente como eu tinha pedido, mas como a igrejinha já era muito bonita, elas não ficaram ruins assim”, brinca.

Preparativos do casamento: decoração floral da igreja - Foto Marina Fava

INFELIZMENTE CHOVEU! E AGORA?

 Chuva no dia do casamento é outro fantasma que assombra as noivas. Principalmente aquelas que planejaram um casamento ao ar livre, campestre, no fim de tarde… É indispensável ter um plano B. Dedos cruzados e plantão nos sites de meteorologia. Mas, se ainda assim chover, não se afogue em lágrimas! Faça chuva ou faça sol, o dia do seu casamento será lindo e inesquecível.

A noiva Rafaelle Ruhle foi surpreendida com uma chuva do dia do casamento e isso acabou atrapalhando seu plano de fotos, mas nada ficou perdido.

“Tínhamos planejado um show de fogos logo após a cerimonia e fotos externas com a família e padrinhos, na fachada do Castelo do Batel. Ao invés disso as fotos acabaram sendo em uma das salas e o brinde foi na pista de dança. Também tínhamos dois carros muito lindos – um para meu marido chegar e o outro para irmos embora da festa. Com a chuva acabamos esquecendo os carros no estacionamento e nem foto tiramos. Uma pena, pois um deles veio de São Paulo e eu nem o vi” – Rafaelle

Preparativos do casamento: foto dos noivos dentro do carro na chuva - Foto Marina Fava

O CELEBRANTE QUE VOCÊ QUERIA NÃO VAI PODER FAZER A CERIMÔNIA

Quase todo mundo tem um padre, um pastor ou um rabino preferido. Às vezes acontece de um casal convidar o celebrante do casamento com seis meses de antecedência, mas mesmo assim ocorrer algum imprevisto. O que fazer? Simples: escolher outro! Afinal, a cerimônia precisa acontecer e os noivos merecem uma celebração emocionante. Escolham (logo!) outra pessoa que vocês realmente confiem.

Julia Carvalho teve uma surpresa quando faltavam apenas dois meses para o seu casamento.

“Descobri que o padre que ia fazer o meu casamento tinha marcado realizar outro casamento, no centro da cidade, na mesma hora! Mas ele prometeu que iria realizar os dois. Como eu ainda não sei até hoje. Só sei que nós não iríamos arriscar. Então, meu primo, que é pastor, felizmente se ofereceu a celebrar a nossa união. Algumas pessoas dizem que há males que vem para o bem. E certamente não poderia ter sido diferente. Foi lindo, descontraído e íntimo. Exatamente como queríamos e sonhávamos” – Julia

Preparativos do casamento: realização da cerimônia - Foto Priscila Hossaka

 A BANDA TE DEU UM BOLO!

Isso parece desesperador! A noiva Suzana Lordelo estava radiante depois da cerimônia e quando entrou no carro, perguntou para a cerimonialista: “e aí, tudo certo com a banda da festa?”. “A banda não chegou ainda”, respondeu ela, tentando disfarçar o frio na barriga. Como assim? Será uma brincadeira?

Os noivos chegaram na festa, comeram, tiraram fotos e nada da banda chegar. Alternativa imediata: a cerimonialista juntou alguns amigos que estavam na festa e eles bolaram uma playlist e som na caixa! A diversão ficou garantida!

“Na metade da festa, a banda ligou e disse que estava chegando. A essa altura do campeonato, até eles chegarem, montarem o equipamento e começarem a tocar, seria mais uma música de despedida. Falei que eles nem precisavam vir mais! E olha, até hoje quando conto essa história para alguns convidados, eles se surpreendem e perguntam: “ué, era para ter banda? Nem percebi!”. Não se iluda: seus convidados estão ali para curtir o momento com você. Minha dica é: esteja rodeada de profissionais espertos que consigam reagir bem quando tudo não sai como o planejado e de amigos que estejam dispostos a ajudar no que for preciso” – Suzana

Preparativos do casamento: foto dos noivos - Foto Marina Fava

ALGUM FORNECEDOR NÃO APARECEU?

Stephanie Parizi não via a hora de chegar na recepção e ver os dois muros ingleses que havia contratado para enfeitar os lounges. De repente, quando ela chegou na festa, a assessora do casamento contou que os fornecedores da arte não apareceram. O cerimonial tentou fazer contato o dia todo e nada. Revoltante, né?

“O pior foi que eu paguei os espelhos imperiais que iam ficar pendurados nesses muros ingleses e não pudemos usá-los também. Na hora, fiquei muito triste, com vontade de chorar e tal. Mas a decoração do espaço estava tão maravilhosa (do jeito que eu sonhei), que não ofuscou em nada a ornamentação do meu grande dia. E também como ninguém sabia que ali iriam ter paredes com fícus, essa frustração ficou só entre a gente e logo passou ao receber tantos elogios de como estava tudo lindo” – Sthephanie

Preparativos do casamento: decoração da recepção - Foto Produtora 7

UM PADRINHO FALTOU!

Esse caso é mais comum e a solução pode ser rápida ou não. Depende da disponibilidade dos seus amigos. Todos estão sujeitos à dor de barriga, engarrafamentos ou imprevistos mais graves no dia do casamento. Nessas ocasiões, é preciso pensar em pessoas que topariam “preencher a lacuna” e que não fiquem ofendidas por isso.

Um dia antes do casamento de Carolina, um dos padrinhos ligou para a noiva e disse que não poderia mais ir na festa. Solução: ela acionou outro amigo para cumprir a missão e deu tudo certo! Olha só:

Preparativos do casamento: fotos dos padrinhos no destonation wedding na Italia - Foto Marina Fava

TOMBOS NA HORA DE PEGAR O BUQUÊ

Rafaelle decidiu que não ia jogar o buquê, pois para ela sempre tem alguém que cai na hora do tumulto. Para evitar isso, a noiva planejou distribuir chaves para as solteiras e apenas uma convidada abriria a caixa de vidro com um buquê especial, com flores artificiais, pérolas e fitas.

O problema foi que no meio da festa a cantora da atração especial começou a cantar Single Ladies e chamou Rafaelle no palco para jogar o buquê. Na hora, a noiva se empolgou e acabou cumprindo a tradição, com o arranjo que ela entrou na igreja. Adivinha o que aconteceu? Tombos! “Mas, no fim das contas, tivemos duas solteiras felizes, cada uma com um buquê e nem isso nem a chuva pode atrapalhar nossa noite maravilhosa”, conta.

Preparativos do casamento: noiva joga buquê - Foto Priscila Hossaka

BALÕES MURCHOS!

Sthephanie comprou cem balões de LED para abrir a pista de dança em grande estilo. O problema foi que na hora da abertura, eles já estavam meio murchos e quase sem iluminação. Até hoje a noiva não sabe o que aconteceu. Talvez a empresa tenha enchido as bexigas muito antes do horário combinado.

“Enfim, descemos com bem menos da metade dos balões e sem brilho. Só fiz isso porque meu noivo insistiu. Por mim, tínhamos pulado essa parte dos balões, que no caso eu queria muito, pois ia dar um efeito megalegal no escuro. Mas…” – Sthephanie

Preparativos do casamento: foto dos noivos dançando na festa - Foto Produtora 7

ESQUECEU OS SAQUINHOS PARA A CHUVA DE ARROZ?

Esquecer alguma coisinha já faz parte do “índice de previsibilidade” do grande dia. Suzana, por exemplo, esqueceu os saquinhos da chuva de arroz.

“Eu decidi fazer as sacolinhas com arroz para jogar na saída dos noivos. Comprei os saquinhos, comprei o arroz, deixei tudo bonitinho. Eu só esqueci de levar no dia. Por que eu não entreguei para a cerimonialista, você pergunta? Talvez uma madrinha? Uma amiga? Um convidado? Minha vó? Nunca saberei. Percebi que tinha esquecido quando não jogaram nada em mim na saída e depois pensei: graças a Deus! Meu penteado estava lindo! Imagina ter que tirar laquê, 4327623 grampos e arroz? Minha recomendação: olhe o lado positivo de tudo!” – Suzana

Preparativos do casamento: foto dos noivos após a cerimônia - Foto Marina Fava

Gostou!? Seja uma noiva prudente e planeje sempre um plano B para possíveis imprevistos no seu grande dia!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Jornalista por paixão e vocação. Cativante, a carioca é dona de uma vida agitada e não nega ser romântica de alma, incurável. Adora casamentos e, desde que disse SIM para o amor da sua vida numa linda cerimônia ao ar livre, vive ainda mais encantada por esse universo.