Baixe
GRÁTIS
o seu
eBook!
x

10 curiosidades sobre luzes alternativas na decoração do casamento

Por  |  1 Comentário


Quer aprender a usar a iluminação a seu favor? Vem com a gente e turbine a decoração do casamento de forma leve, alternativa e singela!

Elas ganharam visibilidade e invadiram a decoração de diversos estilos de casamentos. Simples, econômicas e reluzentes, elas fazem o coração bater mais forte, trazendo um ar mais intimista e aconchegante a qualquer lugar. Estamos falando das luzes de gambiarra, fairy lights, cortina de luzes e todas as alternativas modernas de iluminar os espaços. Como Carlos Eduardo Som, Luz & Imagens costuma dizer, a iluminação é a maquiagem da festa. Melhor definição, impossível. Sendo assim, damos boas vindas à criatividade e à inovação.

1. GAMBIARRAS – EFEITO DOURADO E RELUZENTE

Parecem até estrelas flutuantes. Já dissemos, mas vale a pena repetir: elas deixam o clima muito mais acolhedor. Dá um ar de simplicidade, mas sem perder o charme. As luzes de gambiarra, do tipo incandescente – também conhecidas como fio ou varal de luzes e day lights – são muito comuns na decoração do casamento. Sejam rústicos, campestres, vintage, ao ar livre ou na praia, vale a pena investir.

Decoração do casamento: noivos e luzes de gambiarra - Foto Fabio Moro

2. DE ONDE VEIO O TERMO?

Segundo Murilo Carvalho, diretor de iluminação da Two Lights, as luzes de gambiarra começaram a virar moda em Nova York, nos pequenos lounges em cima dos prédios para os momentos de happy hour. Daí, veio a ideia de usá-las também em eventos. “É um conceito de luz diferente, porque elas dão um clima mais despojado, mais de verão – de fim de tarde para noite. É esse o conceito eu a gente aplica”, explica.

Decoração do casamento: day lights - Foto Juliana Pessoa

3. FAIRY LIGHTS

Popularmente conhecidas com microlâmpadas de LED, elas lembram as luzes de pisca-pisca. O objetivo dessas luzinhas é mais decorativo do que de iluminação em si. Fica lindo e encantador quando ornamentadas em pontos específicos da decoração de casamento.

Decoração do casamento: cortina de luzes - Foto Flavia VitóriaDecoração do casamento: cortina de fairy lights - Foto Glenio Detmar

COMO DECORAR?

Composições atrás do altar, de mesa de doces, de cortinas, fazer túneis, envolver algum móvel… “Precisa estar em harmonia com a decoração para não virar uma festa natalina. Outra sugestão é que os fios sejam transparentes”, propõe Murilo de Carvalho.

Veja a decoração de Renata Chapchap. Encante-se!

4. MAIS CENÁRIOS DE APLICAÇÃO

  • Em meio à natureza
  • Locais arquitetônicos
  • No teto
  • Na parede
  • Por trás das mesas de doces

ATENÇÃO! É dever do iluminador controlar bem o dimmer para não virar uma festa junina!

Decoração de casamento: luzes de gambiarra - Foto Valery Garnica Herr

5. ECONOMIA

Mito ou verdade? Verdade! As luzes de gambiarra certamente são mais econômicas, pois é possível pontuá-las estrategicamente nos ambientes, gerando uma luminosidade maior. Segundo a decoradora Lanna Corrêa, se formos cobrir uma área com lustres, por exemplo, fica bem mais caro (tanto pelo aluguel quanto pelo gasto de energia).

Tudo depende também do estilo da festa: se for uma festa clássica, cabe substituir por lustres. “O aluguel de lustres certamente é mais caro e sofisticado. Já a iluminação cênica e decorativa também tem um gasto maior comparado às luzinhas”, explica Murilo de Carvalho, da Two Lights.


Leia mais

+ Para iluminar com arte

bg-divisoria

+ M2 Eventos: sim, iluminação e imagens

bg-divisoria

+ Casamento na praia: Raquel  & Nahum


6. PRATICIDADE

Elas são portáteis, reaproveitáveis e flexíveis. O que pode ser melhor? “Eu e meu iluminador fizemos um primeiro fio de luzes e agora usamos o mesmo fio todas as vezes que temos que trabalhar com elas. Isso que barateia o custo”, explica a decoradora Lanna Corrêa.

7. COMO APLICAR?

Dúvidas? Mário Paes da Two Lights ensina para a gente. Passo a passo:

  1. Adquira as lâmpadas incandescentes
  2. Tenha um bocal adequado para a temperatura da lâmpada
  3. Tenha um fio apropriado PP, que é emborrachado e com o padrão das normas internacionais de eletricidade. Ele possui um pó químico anti-chamas, que não o deixa pegar
  4. Encontre uma tomada de três pinos – uma fase, um neutro e um terra
  5. Ligue o fio em um dimer ou numa parede
  6. Juntar uma quantidade significativa de lâmpadas – (a qual você pode estar espalhando num gazebo ou num teto quatro metros acima para ninguém correr o risco de encostar nas lâmpadas)

Controle o dimmer! (Murilo de Carvalho explica que é o dispositivo que vai dar o efeito avermelhado do filamento, diminuindo o brilho e a potência da luminosidade).

ATENÇÃO!  O DIMMER É ESSENCIAL PARA HARMONIZAR A ILUMINAÇÃO E A DECORAÇÃO. “Quem não trabalha com ele está atrasado”, brinca Murilo.

DICAS DE COR DE FIO:

  • Para salões fechados e lugares claros, use o fio branco
  • Para toldos e lugares escuros, use o fio preto
  • Para paisagismo e jardins, use o fio verde

Decoração de casamento: mesa de chá e café - Foto Chris Souza

8. CUIDADOS E PRECAUÇÕES

E se chover no dia do meu casamento? O diretor de iluminação Murilo Carvalho alerta que esse fator é inconveniente, se não tiver um equipamento de fio adequado. Há o risco de estouros com o contato da lâmpada quente e chuva batendo. “Sempre há riscos, mas o diferencial será a qualidade do equipamento sempre”.

9. CURIOSIDADES

Pimbim é um tipo de refletor que era usado antigamente no teatro. Ele tem o mesmo efeito de marcação e efeito fechado AR111. Traduzindo: são como pequenas lanternas com efeito decorativo. É usado para pontuar o evento – caminho da noiva, arranjo de mesa, mesa de doce, ao redor da festa…

Decoração do casamento: iluminação com pimpins - Foto Marina Fava

10. TENDÊNCIA 2017

Conhecidas como lâmpadas retrô, elas são feitas com filamento de carbono. O formato é esquematizado em pingos. E “de pingo em pingo” se faz uma grande luminária. O” vidro é transparente justamente para aparecer o filamento de carbono”, conta Mário Paes. Vale lembrar que para que o efeito fique bem legal é preciso usar um conjunto de 60 a 70. Use e abuse!

Decoração do casamento: mesa de doces e luzes de gambiarra - Foto 18 ElementosDecoração de casamento: lâmpadas industriais - Foto: Duo Borgatto

Créditos

1- 18 Elementos |  2- Fábio Moro  |  3- Juliana pessoa  |  4- Flavia Vitória  |  5- Glenio Detmar  |  6, 7, 8, 9, 10, 11- Helson Gomes  |  12- Valery Garnica Herr  |  12, 14, 15 – Two Lights  |  16-  Leonardo Uzeba  |  17- Raoni Aguiar  |  18- Chris Souza  |  19- Marina Fava  |  20- 18 Elementos  |  21- Duo Borgatto

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Jornalista por paixão e vocação. Cativante, a carioca é dona de uma vida agitada e não nega ser romântica de alma, incurável. Adora casamentos e, desde que disse SIM para o amor da sua vida numa linda cerimônia ao ar livre, vive ainda mais encantada por esse universo.