4 Sinais de que você vai ser pedida em casamento!

Por  |  0 Comentários


Texto Luiza Morena

Há quase 15 anos contamos por aqui, na IC, histórias de casamentos. E ao longo de todo esse tempo nunca vimos duas histórias iguais. Cada casal é único e todo o seu relacionamento traduzido na hora do sim vem carregado disso. Mas não podemos negar que há também muitas similaridades entre tudo o que vemos. A maior delas? O pedido de casamento, que embora único, traz sempre um monte de expectativas, planos, nervosismo e surpresa! Vem conferir o que os noivos não contam, mas que está por trás do sim!

Há quem acredite que eles não são bons com surpresas, mas precisamos contestar: nossos noivos inesquecíveis têm uma criatividade – e uma ansiedade, ok? – imensas quando o objetivo é organizar algo especial para fazer o pedido de casamento.

Afinal, empenhados que o são na tarefa, existem até mesmo aqueles que envolvem os amigos e a família. Mas espera aí… “Será que tudo vai dar certo? Será que nesse dia fará mesmo o pôr do sol esperado? Será que o irmão dela vai chegar na hora certa? Será que ela vai aceitar?” Será, será, será… Atire a primeira aliança o noivo que nunca passou por esses questionamentos!

Mas depois é bom correr para pegá-la de volta, afinal ela tem um dedo e um sim à espera. O nervosismo, tão comum ao pedido de casamento, já faz parte do pacote e atentos a isso, cada vez mais, os noivos estão ligados aos sinais que suas amadas dão ao longo do relacionamento. E cá para nós, mulheres são ótimas em dar sinais, né?

Por isso, convidamos alguns casais especiais que tiveram os seus casamentos publicados na IC para dividir um pouco dessa loucura que é o pré-sim! Com vocês, os bastidores dos pedidos de casamento:

4 Sinais de que você vai ser pedida em casamento - Mariana e Felipe - Crédito: Emerson Fiuza

Mariana & Felipe

O Pedido: No natal de 2015, com as duas famílias reunidas, todos assistiam a um vídeo editado com fotos de uma viagem feita para a Disney quando começaram a surgir imagens apenas do casal em diversos outros momentos. Antes do final do filme aparecia uma pessoa indo comprar um buquê de rosas, escrevendo em um cartão “quer casar comigo?” e batendo justamente na porta do apartamento em que eles estavam. Não demorou para a ficha cair e quando Mari foi até a entrada lá estava Felipe com as alianças na mão.

Felipe: “Imagino que com a correria dos preparativos ela suspeitou que estivéssemos aprontando algo, mas não imaginava que seria o pedido de casamento e muito menos o vídeo!”

Mariana: “Ele estava mais ansioso que o normal e cheio de mistérios com a mãe dele e o meu irmão, mas só depois fui descobrir que os dois também estavam envolvidos na organização do pedido e ajudando o Felipe!”

4 Sinais de que você vai ser pedida em casamento - Dayanna e Leandro - Crédito: Agnaldo Teixeira

Dayanna & Leandro

O Pedido: Amigos desde o colégio, eles conheciam um ao outro como ninguém, mas Leandro se esforçou e ainda conseguiu surpreender a noiva. O pedido de casamento? Nas alturas! Feito dentro do avião durante um voo para um destino especial.

Leandro: “Senti que estava mais do que na hora de fazer o pedido, eu queria formar a nossa família e o olhar dela me dizia que já era o momento!”

Dayanna: Ele não deu sinal nenhum de que iria fazer essa surpresa! Depois de 10 anos de amizade e 4 de namoro já sentíamos que estava na hora de dar um passo a mais, mas o pedido veio de forma completamente inesperada.”

4 Sinais de que você vai ser pedida em casamento - Pérola e Luis Gustavo - Crédito: Meliess

Pérola & Luis Gustavo

O Pedido: Luis foi um noivo à moda antiga. Para ouvir o sim do amor de sua vida, que havia ido fazer um curso em Londres, o administrador planejou tudo com antecedência, conversou com a família da empresária antes de viajar e planejou férias para eles na Croácia. Na hora, tentou deixar o nervosismo do lado e tirou do bolso uma caixinha com as alianças!

Luis Gustavo: “Sempre conversamos muito sobre tudo, até que “sem querer”começamos a falar sobre planos futuros e casamento. Era um papo descontraído, ainda na brincadeira. Ela sempre foi (ou fingia ser rs) meio resiste para falar sobre o assunto, ou assumir essa vontade, porque fomos os primeiros a casar do nosso grupo de amigos, então na época era um tema desconhecido. Como ela estava morando fora parece que o sentimento fica ainda mais forte. Foi quando tivemos certeza do que queríamos. A Pérola começou a entrar mais no assunto e então conversei com os pais dela antes. Lá foi só festa!”

Pérola: Desde o começo, quando começamos a planejar locais e hotéis da nossa viagem vi que ele já ficava bem ansioso e animado com a ideia. Decidimos ir para Hvar, na Croácia. Foi então que eu reparei que tinha alguma coisa no ar, porque ele se prontificou a ver tudo o que iriamos precisar lá… Geralmente sou quem gosta de ir atrás dessas coisas. Achei estranho, mas gostei da iniciativa! Além do hotel, ele reservou um bangalô num Beach Club com uma vista maravilhosa! Foi engraçado, porque dava pra sentir alguma coisa no ar, mas claro que não queria estragar a surpresa dele, né? Fiquei tomando sol e ele disse que havia esquecido algo no hotel. Essa parte eu acreditei, já que ele realmente é bem esquecido, mas a Gopro ficou filmando e quando ele voltou trouxe taças com Champagne, uma caixinha e ai foi!”

4 Sinais de que você vai ser pedida em casamento - Rafaela e Alex - Crédito: Anderson Marcello

Rafaela & Alex

O Pedido: A data foi primeiro de abril, mas não teve pegadinha, viu? O casal já estava morando junto quando aconteceu o pedido oficial de casamento, mas engana-se quem pensa que por isso não houve surpresa.  Afinal, a boa dose de romantismo já faz parte do noivo, que comprou as alianças dos sonhos de Rafaela e buscou ela mais cedo no trabalho com flores!

Alex: “Quando começamos a conversar sobre oficializar nossa união saímos juntos para escolher as alianças. Fomos a algumas lojas e fiquei atento ao modelo que ela mais gostou, mas dei uma desculpa na hora para poder fazer uma surpresa. Depois de um tempinho, no dia em que elas chegaram, aconteceu o pedido oficial!”

Rafaela: No dia em que fomos escolheras alianças eu já sabia qual modelo queria, mas passou um tempinho e nada delas rs. Até que um dia o Alex me ligou pedindo que eu saísse mais cedo do trabalho. Ele estava com a minha mãe no carro, porque eles tinham ido buscar as alianças e as flores, e a ligação estava no viva voz, mas eu estava negando, porque tinha muito trabalho para fazer. Minha mãe ansiosa para tudo acontecer me ligou nesse meio tempo em que ele a deixou em casa para me encontrar e nesse momento comecei a desconfiar um pouquinho, mas achei que pudesse ser coisa da minha cabeça. Assim que desci para encontrá-lo ele estava me esperando com direito à declaração.”

Gostou desse conteúdo? Acompanhe nossas matérias de comportamento!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr