Baixe
aqui
seu
E-BOOK
x

Os encantos do Parque Nacional de Yosemite

Por  |  0 Comentários


Veja mais sobre as montanhas, cachoeiras, canyons e tudo que o Parque Nacional De Yosemite, na Califórnia, abriga

Yosemite, na Califórnia, é um dos mais belos parques montanhosos do mundo, por isso atrai os mais diferentes turistas de toda parte, idosos ou jovens, todos querem conhecer o lugar que o famoso Ansel Adams mostrou para o mundo através de suas espetaculares fotografias em preto e branco: montanhas com penhascos altíssimos, cachoeiras, canyons e vales. Algumas destas fotos estão expostas numa pequena galeria no Yosemite Valley, onde você pode comprá-las.

Há várias entradas para o parque: Mariposa Grove, ao sul, Big Flat Oak e El Portal, a oeste e  Lee Vining, a leste, em todas elas você poderá comprar o bilhete de entrada que inclui o carro e os passageiros.

Estrada no Yosemite Parque Nacional Foto Roberto Pereira

Há algumas dicas importantes para quem vai explorar Yosemite sem guia, o que foi o nosso caso. Elas foram muito importantes para aproveitarmos da melhor maneira o parque. São elas:

– levar o mapa do parque consigo o tempo todo;

– baixar no GPS do celular, com antecedência, o mapa do parque, marcando os pontos que pretenda visitar, lembrando que não existe sinal de celular no Yosemite;

– encher o tanque fora do parque porque dentro a gasolina é bem mais cara e só aceitam cartão de crédito;

– final de semana fica lotado, quase impossível estacionar no Yosemite Valley, portanto o melhor é explorar os outros pontos panorâmicos;

– o estacionamento dentro do parque é free, mas limitado, logo o ideal é chegar cedo, estacionar o carro e usar o transporte gratuito que percorre o vale, principais pontos de início de trilhas, de mirantes, lojas, restaurantes e hotéis,  de 7 h às 22 h;

–  não deixar NADA no carro, os ursos arrombam as portas em busca de comida. Dizem que nos lugares movimentados eles não aparecem, mas na dúvida, o melhor é evitar.

Transporte no parque Yosemite Foto Roberto Pereira

Para se explorar bem o parque o melhor é combinar passeios de carro pelos mirantes com caminhadas. Escolhemos as fáceis, como caminhar em volta do Tenaya Lake ou a trilha Wawona Meadow Loop, mas para quem gosta de exercício puxado há trilhas moderadas e difíceis, como a que vai para o Glacier Point.

A caminho das trilhas em Yosemite Foto Roberto Pereira

Há mirantes imperdíveis, como o Big Crane Flat e o Tunnel View, que pode ser visto na foto de capa desta matéria, tem uma linda vista, onde se contempla ao mesmo tempo o Half Dome, o El Captan e a Bridaveil.

El Captan no Yosemite Foto Roberto Pereira

No Yosemite Valley, além da galeria de fotos de Ansel Adams, encontram-se também um pequeno museu que mostra a história dos povos nativos e o icônico The Majestic Yosemite Hotel, antigo The Ahwahnee, que faz parte do Registro Nacional de Lugares Históricos. Vale fazer uma visita e aproveitar o excelente restaurante.

The Majestic Yosemite Hotel, antigo The AhwahneeRestaurante do Hotel Majestic Yosemite Foto Roberto Pereira

Ficam no vale a cachoeira Bridalveil, a mais linda do parque, o Mirror Lake, belo lago com montanhas em volta, a Vernal Falls e a Nevada Falls, com vistas impactantes sem ser preciso caminhar muito, ou seja, são trilhas moderadas.

Mirror Lake Foto Roberto PereiraBridalveil Fall no Yosemite Foto Roberto Pereira

A atração mais famosa no vale é o imperdível Glacier Point, (980 m), que só é acessível no verão porque no inverno a neve bloqueia a estradasubimos de carro porque a caminhada é muito difícil. Tem o mirante mais espetacular do parque de onde se consegue observar todo o Yosemite Valley com as três cachoeiras.

No caminho para o Glacier Point Foto Roberto PereiraGlacier Point no Yosemite Foto Roberto Pereira

No Washburn Point, ao sul do Glacier, a paisagem também é muito bonita, de lá se vê as cachoeiras Vernal e Nevada.

Nevada Fall no Yosemite Foto Roberto Pereira

Tioga Pass é um dos caminhos no Parque, muito bonito, tem um mirante com vista espetacular para o vale e para “as costas” do Half Dome, mas fica afastado do Yosemite  Valley e a estrada muitas vezes fecha por causa de mau tempo.

Pelas estradas do Yosemite Foto Roberto PereiraBelíssimo pôr do sol no Yosemite Parque Foto Roberto Pereira

Para visitar este deslumbrante parque ficamos hospedados três noites no B&B Tin Lizzie Inn que fica em Fish Camp, a 10 minutos da entrada sul do Yosemite Parque Nacional.

Bed&Breakfast Tin Lizzie Inn Foto Roberto PereiraVaranda no Tin Lizzie Inn Foto Roberto Pereira

Foi maravilhoso nos hospedarmos neste lugar, que reúne charme, elegância, hospitalidade e conforto numa bela casa em estilo vitoriano, cuja decoração segue o mesmo estilo. Os proprietários, David e Sheran Woodworth, são muito simpáticos e tudo fizeram para nos agradar.

Nossa suite no B&B Tin Lizzie Inn Foto Roberto PereiraBanheiro da nossa suite no B&B Tin Lizzie Inn Foto Roberto PereiraOs proprietários, do B&B Tin Lizzie Inn, David e Sheran Woodworth Fotos Roberto Pereira

Também é oferecido a todos os hóspedes um passeio de cortesia em um Ford modelo T. Roberto ficou empolgado com o lugar, com o carro, enfim com a atmosfera encantadora do Tin Lizzie Inn que fez um ensaio de época comigo e o Ford 1915!

Ensaio Anos 1920 no Tin Lizzie Inn Foto Roberto PereiraEnsaio anos 20 no Tin Lizzie Inn Foto David Woodworth

Foram realmente dias inesquecíveis! Se você quiser conhecer o Parque Nacional Yosemite na sua lua de mel ou numa viagem  romântica o B&B Tin Lizzie Inn é o lugar ideal, acredite, você vai amar!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Casada, mãe de três filhos e avó-coruja de seis netos. Formada em Português Latim, Línguas e Literaturas pela UERJ, gosta de descobrir novas culturas e viajar mundo afora. Organizada, sabe planejar meticulosamente cada roteiro para usufruir do melhor a um custo justo. Com o passaporte carimbado, ela compartilha aqui suas experiências.