Óbidos, um presente real

Por  |  0 Comentários


Andar na muralha medieval, passear pelas vielas, entrar nas lojinhas de artesanato, provar o licor de ginja e se hospedar na Pousada Histórica de Óbidos é inesquecível

A   história de Portugal nos conta que a cidade de Óbidos foi um dos presentes de casamento que o rei Dinis I deu a sua noiva Isabel de Aragão em 1282… acho tão romântico isso! E essa tradição foi mantida até 1833 por todos os reis ao se casarem. Hoje em dia a cidade está totalmente restaurada, sendo um belíssimo cartão postal de Portugal, visitada por turistas do mundo inteiro que se encantam com as muralhas e o castelo desta cidade medieval.

Vista de Óbidos Foto Roberto PereiraDetalhe de uma rua em Óbidos Foto Roberto Pereira

Óbidos, do latim  oppidum que significa “cidade fortificada”, é uma das 7 Maravilhas de Portugal. Fica a 80 km de Lisboa, por isso a maioria dos turistas passa o dia conhecendo a cidade e retorna no final da tarde para Lisboa, mas nós sempre preferimos dormir nestes lugares, é maravilhoso apreciar a tranquilidade  que paira nas pequeninas cidades medievais depois que os grupos de turistas vão embora, sinto-me sempre num cenário de sonho, de filme antigo… em Óbidos não foi diferente.

Óbidos Foto Roberto PereiraUm largo em Óbidos com a muralha ao fundo Foto Roberto PereiraUma rua em Óbidos Foto Roberto Pereira

A entrada principal da cidade é pela Porta da Vila, de 1380, que apresenta pelo lado de dentro um nicho de azulejos portugueses do século XVIII, começamos então a sentir toda a beleza de Óbidos. Esse portão nos leva diretamente a rua central da cidade, a rua Direita, no final dela está a Praça de Santa Maria e a Igreja de Santa Maria.

Porta da Vila Óbidos Foto Roberto PereiraTuristas na rua Direita Óbidos Foto Roberto Pereira

A Igreja de Santa Maria foi sendo construída ao longo dos séculos sendo uma bela mistura de estilos manuelino, renascentista, maneirista e barroco, porém o altar mais lindo, uma verdadeira joia, é o da Igreja de São Pedro, séc. XIII-XIV em estilo gótico, que foi quase toda destruída com o terremoto de 1755, mais tarde reconstruíram-na e da igreja original restou apenas o altar-mor em talha dourada e a torre do sino com escadaria.

Igreja de Santa Maria Óbidos Foto Roberto PereiraAltar da Igreja de São Pedro Óbidos Foto Roberto Pereira

O ponto alto de Óbidos é o Castelo e a  Muralha Medieval, do século XIII, é um passeio maravilhoso e obrigatório, melhor ainda se ficar hospedado no Castelo, construído em 1148, atualmente é a  Pousada Castelo de Óbidos, um hotel histórico que eu amei, mas tem que gostar de se sentir numa atmosfera  medieval do século IX, vivendo uma experiência incrível, se preferir um ambiente mais leve, pode reservar na Casa do Castelo, bem ao lado da Pousada.

Entrada da Pousada Castelo Óbidos Foto Roberto PereiraSuite na Pousada Castelo Óbidos Foto Roberto PereiraRestaurante da Pousada Histórica Óbidos Portugal Foto Roberto Pereira

Caminhamos por toda a muralha de Óbidos, foram mais de 1500 metros,  a emoção é grande, afinal a vista é linda e não há proteção pelo lado de dentro, em determinados trechos ela tem 13 metros de altura, por isso quem tem acrofobia não deve fazer este passeio.

Detalhe de um trecho da Muralha Óbidos Foto Roberto PereiraDetalhe da muralha e a torre do Castelo em Óbidos Foto Roberto Pereira

Há muitas lojinhas de artesanato pela cidade, assim como bares, restaurantes e pousadas.  Não deixe de provar o licor de ginja, típico de Óbidos, feito da fruta do mesmo nome, lembra a cereja, é deliciosa esta bebida.

Estalagem do Convento uma das pousadas de Óbidos Foto Roberto PereiraUma loja de artesanato em Óbidos Foto Roberto PereiraPelas ruas de Óbidos Foto Roberto Pereira

 

D. Dinis não deu o presente apenas a sua Isabel de Aragão, através do tempo ele chegou até nós, para que pudéssemos aproveitar esse lugar lindo e encantador, realmente inesquecível!

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Casada, mãe de três filhos e avó-coruja de seis netos. Formada em Português Latim, Línguas e Literaturas pela UERJ, gosta de descobrir novas culturas e viajar mundo afora. Organizada, sabe planejar meticulosamente cada roteiro para usufruir do melhor a um custo justo. Com o passaporte carimbado, ela compartilha aqui suas experiências.