Baixe
aqui
seu
E-BOOK
x

10 dicas para escolher o fotógrafo de casamento

Por  |  0 Comentários


Confira o que é importante saber na hora de escolher o fotógrafo de casamento!

Pense comigo: nós vamos passar praticamente um ano detalhando tudo do casamento e, verdade seja dita, o fim de semana vai passar voando. Claro que você vai sentir vibrações inexplicáveis e tudo será mágico, mas quando a festa acabar, aquele sentimento drummondiano de “E agora José?” é praticamente inevitável. Por isso, para tirar da caixinha todo esse alto astral do grande dia quando e onde quiser, só mesmo através de cliques que quase falam e te contam de novo a história que vira e mexe te rouba a concentração.

Pode ser ele, ela ou até um grupo maior. Cada empresa atua com uma equipe diferente e trabalha de um jeito. Porém, se o estilo da fotografia arrancar brilho dos seus olhos, nada disso importa. Essencial mesmo é o material que entregam no final. Enumerei pontos bacanas para orientar a contratação do fotógrafo de casamento.

1. Pense no que amam na fotografia. Como vocês lidam com as fotos? Gostam de algo mais espontâneo, artístico, tradicional ou se curtem em todo e qualquer registro? Legal deixar o olhar atento para isso!

2. Recorra à planilha de custos e veja quanto imaginaram gastar com esse serviço. Foque nesse valor na hora de analisar o perfil dos fornecedores.

3. Considere a qualidade do trabalho: material apresentado, equipamentos usados, tempo de cobertura, valor da hora extra. Cheque o que cada um oferece como opcional e coloque todas as cartas na mesa, ok? Reunião é hora de tirar dúvida também!

4. Pesquise referências no site e tente conversar com noivos que já contrataram a empresa. A empresa tem experiência em casamentos na praia?

5. Depois de escolher, leia e certifique se o contrato está OK. Depois disso, ame o olhar do seu fotógrafo, direcione o que é importante pra vocês, pense no que não pode faltar e planeje as fotos. Fotos da decoração, mesa do bolo, doces, detalhes, making of, cerimônia, fotos posadas com a família, padrinhos. Faça essa listinha com o noivo e tente levar isso numa boa, sem obrigação!

6. A afinidade com esse profissional também deve ser levada em conta. Vocês precisam se sentir à vontade e realmente confiante. Normalmente, um ensaio pré-wedding ajuda a criar esse clima, já que o perfil dos fotógrafos que embarcam nessa aventurar de casar na praia combina com pessoas agradáveis, divertidas e inovadoras que sabem dar um toque de leveza em cliques planejados ou não. É aquela velha história: profissional é profissional!

7. Converse sobre o estilo das fotos: clássicas, artísticas, fotojornalismo, ampla, fechada, com efeito ou sem efeito, focadas ou desfocadas. Foto preta e branca? Um mix de tudo? Exponha o ponto de vista do casal

8. Conversem sobre os modelos de álbuns: veja como eles são, avalie o material, alinhar a quantidade de fotos prevista para ser entregue, combine prazos e também a diagramação das fotos no álbum

9. Tudo pode e deve ser conversado! Inclua na pauta o deslocamento, hospedagem e alimentação. Assuntos referentes a logística da equipe são importantes em um destination wedding

10. Peça sempre o contrato. Lá deve constar todos os dados do contratado e dos serviços a ser prestado, como hora de chegada e saída, número de fotos a serem entregues, prazo de entrega para escolha do que irá para o álbum…

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someonePrint this pageBuffer this pageDigg thisShare on RedditShare on Tumblr


avatar

Array